Página inicialGruposDiscussãoMaisZeitgeist
Este site usa cookies para fornecer nossos serviços, melhorar o desempenho, para análises e (se não estiver conectado) para publicidade. Ao usar o LibraryThing, você reconhece que leu e entendeu nossos Termos de Serviço e Política de Privacidade . Seu uso do site e dos serviços está sujeito a essas políticas e termos.
Hide this

Resultados do Google Livros

Clique em uma foto para ir ao Google Livros

Carregando...

Suite Française (2004)

de Irène Némirovsky

Outros autores: Denise Epstein (Editor), Olivier Rubinstein (Editor)

Outros autores: Veja a seção outros autores.

MembrosResenhasPopularidadeAvaliação médiaConversas / Menções
8,933327636 (3.97)1 / 697
Life and death in occupied France during World War II.
  1. 60
    The Book Thief de Markus Zusak (albavirtual)
  2. 72
    Atonement de Ian McEwan (Queenofcups)
  3. 50
    All the Light We Cannot See de Anthony Doerr (charlie68)
    charlie68: Both books take place in France during the Second World War.
  4. 40
    The Diary of Anne Frank: A Play in Two Acts de Frances Goodrich (albavirtual)
  5. 40
    War and Peace de Leo Tolstoy (chrisharpe)
  6. 20
    Life and Fate de Vasily Grossman (chrisharpe)
  7. 21
    Sarah's Key de Tatiana de Rosnay (SqueakyChu)
    SqueakyChu: Both are novels that take place in Nazi-occupied France during WWII.
  8. 10
    A Princess in Berlin de Arthur R. G. Solmssen (albavirtual)
  9. 10
    Brodeck's Report de Philippe Claudel (alalba)
    alalba: Two books about occupied France during WWII
  10. 10
    Resistance: A Frenchwoman's Journal of the War de Agnès Humbert (LisaCurcio)
  11. 11
    The Nightingale de Kristin Hannah (pdebolt)
    pdebolt: Both are very powerful books about German-occupied France during WWII and the role of women.
  12. 00
    Yellow Tapers for Paris de Bruce Marshall (Cecrow)
    Cecrow: Both are fiction, written during and/or immediately after the occupation and showing significant reflection.
  13. 11
    The Soldier's Wife de Margaret Leroy (Yervant)
    Yervant: Both works focus on German occupation during World War II, one in France, the other in Guernsey. The storyline of a local woman falling in love with a German occupier is also a common thread, (though more successful and believable in my opinion in Nemirovsky's work than in Leroy's.)… (mais)
  14. 00
    A Woman in Berlin: Eight Weeks in the Conquered City: A Diary de Marta Hillers (VenusofUrbino)
  15. 00
    The Moon Is Down de John Steinbeck (chrisharpe)
  16. 11
    All Our Worldly Goods de Irène Némirovsky (KimB)
  17. 01
    To Siberia de Per Petterson (TeeKay)
  18. 02
    Cranford de Elizabeth Gaskell (chrisharpe)
    chrisharpe: Nothing to do with France or WWII, but in many ways a similar, acutely observed portrait of village life, with an especially keen eye on the bourgeois class.
Carregando...

Registre-se no LibraryThing tpara descobrir se gostará deste livro.

Inglês (289)  Espanhol (12)  Italiano (8)  Francês (5)  Norueguês (3)  Sueco (3)  Catalão (2)  Alemão (2)  Hebraico (1)  Todos os idiomas (325)
Mostrando 1-5 de 325 (seguinte | mostrar todas)
Avete visto il film Suite Francese? Beh, dimenticatelo, è una storiella d'amore insulsa in confronto a questo resoconto romanzato degli sfollamenti della Parigi bombardata durante la Seconda Guerra Mondiale.

Un ritratto senza sconti di vite in guerra che con le bassezze della guerra devono fare i conti. Il risultato è un' avvincente storia incompiuta tratta dagli appunti di una grande scrittrice deportata ed "eliminata" in un campo di sterminio. E troviamo vigliacchi ed eroi, approfittatori e ingenui, temute divise di invasori indossate da uomini normali, spaccati di vita di quotidiana sopravvivenza.
Un bel, bellissimo libro, ma di certo non una storia d'amore. ( )
  LauraLaLunga | Feb 15, 2021 |
Irene Nemirovsky was a very talented writer. This unfinished book (due to the author's arrest and subsequent death at Auschwitz in the summer of 1942) is well written with rich descriptions. There is a large cast of characters that can be a little hard to follow at times. ( )
  niquetteb | Jan 20, 2021 |
Couldn't finish it ( )
  steveportigal | Dec 31, 2020 |
I loved this book with a passion and recommend it to everyone.it's one of the most beautifully written novels I've ever read, and the backstory of how it got published is heartbreaking. Read the endnotes and correspondence if you read this novel! I loved the characters and how Nemirovsky weaves their stories together. I loved the tension and varying emotions involved with the people fleeing Paris. And I love the conflicting humanity given to the German soldiers in the second part of the novel. Nothing is black and white and I really loved how Nemirovsky paints a portrait of the diversity of emotions and actions during war. Just a fabulous book. ( )
  JustZelma | Dec 20, 2020 |
> Irène Némirovsky, Suite française, Romans français, Denoël
« Mon Dieu ! Que me fait ce pays ? Puisqu'il me rejette, considérons-le froidement, regardons-le perdre son honneur et sa vie. »
Irène Némirovsky, immense écrivain français d'origine juive ukrainienne, qui devait disparaître avec son mari à Auschwitz, a refait l'actualité avec Suite française. Une vision de la France de 1940, en pleine débâcle, un roman bouleversant, intimiste, implacable, dévoilant avec une extraordinaire lucidité les innombrables petites lâchetés, les fragiles élans de solidarité, l'âme de chaque Français, du plus huppé au plus modeste. (Le manuscrit a été édité par sa fille en 2004.) --Carnets du Yoga n° 239 - Sept 2005
  Joop-le-philosophe | Dec 9, 2020 |
Mostrando 1-5 de 325 (seguinte | mostrar todas)
Irène Némirovsky wanted Suite Française to be a five-book cycle about the occupation of France, but only completed a draft of two books before the Nazis sent her to Auschwitz, and to the gas chambers, in 1942. Her manuscript was lost in a basement for sixty years until her daughter, who had been pursued by Nazis through the French countryside as a child, discovered and published it. And now, impossibly, we can read the two books of Suite Française.
adicionado por paradoxosalpha | editarThe Believer, Adam Novy (Sep 1, 2006)
 
Less a Wheel than a Wave
adicionado por MikeBriggs | editarLondon Review of Books, Dan Jacobson (pay site) (May 11, 2006)
 
French critics hailed "Suite Française" as a masterpiece when it was first published there in 2004. They weren't exaggerating. The writing is accomplished, the plotting sure, and the fact that Némirovsky could write about events like the fall of Paris with such assurance and irony just weeks after they occurred is nothing short of astonishing.
 
THIS stunning book contains two narratives, one fictional and the other a fragmentary, factual account of how the fiction came into being. "Suite Française" itself consists of two novellas portraying life in France from June 4, 1940, as German forces prepare to invade Paris, through July 1, 1941, when some of Hitler's occupying troops leave France to join the assault on the Soviet Union.
adicionado por krazy4katz | editarNew York Times, Paul Gray (Apr 9, 2006)
 
El descubrimiento de un manuscrito perdido de Irène Némirovsky causó una auténtica conmoción en el mundo editorial francés y europeo. Novela excepcional escrita en condiciones excepcionales, Suite francesa retrata con maestría una época fundamental de la Europa del siglo XX. En otoño de 2004 le fue concedido el premio Renaudot, otorgado por primera vez a un autor fallecido. Imbuida de un claro componente autobiográfico, Suite francesa se inicia en París los días previos a la invasión alemana, en un clima de incertidumbre e incredulidad. Enseguida, tras las primeras bombas, miles de familias se lanzan a las carreteras en coche, en bicicleta o a pie. Némirovsky dibuja con precisión las escenas, unas conmovedoras y otras grotescas, que se suceden en el camino: ricos burgueses angustiados, amantes abandonadas, ancianos olvidados en el viaje, los bombardeos sobre la población indefensa, las artimañas para conseguir agua, comida y gasolina. A medida que los alemanes van tomando posesión del país, se vislumbra un desmoronamiento del orden social imperante y el nacimiento de una nueva época. La presencia de los invasores despertará odios, pero también historias de amor clandestinas y públicas muestras de colaboracionismo. Concebida como una composición en cinco partes —de las cuales la autora sólo alcanzó a escribir dos— Suite francesa combina un retrato intimista de la burguesía ilustrada con una visión implacable de la sociedad francesa durante la ocupación. Con lucidez, pero también con un desasosiego notablemente exento de sentimentalismo, Némirovsky muestra el fiel reflejo de una sociedad que ha perdido su rumbo. El tono realista y distante de Némirovsky le permite componer una radiografía fiel del país que la ha abandonado a su suerte y la ha arrojado en manos de sus verdugos. Estamos pues ante un testimonio profundo y conmovedor de la condición humana, escrito sin la facilidad de la distancia ni la perspectiva del tiempo, por alguien que no llegó a conocer siquiera el final del cataclismo que le tocó vivir.
adicionado por Pakoniet | editarLecturalia
 

» Adicionar outros autores (8 possíveis)

Nome do autorFunçãoTipo de autorObra?Status
Irène Némirovskyautor principaltodas as ediçõescalculado
Epstein, DeniseEditorautor secundáriotodas as ediçõesconfirmado
Rubinstein, OlivierEditorautor secundáriotodas as ediçõesconfirmado
Anissimov, MyriamPrefácioautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Bigliosi, CinziaTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Frausin Guarino, LauraTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Moldenhauer, EvaÜbersetzerautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Olsson, DagmarTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Oreskes, DanielNarradorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Rosenblat, BarbaraNarradorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Sarkar, ManikTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Smith, SandraTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Você deve entrar para editar os dados de Conhecimento Comum.
Para mais ajuda veja a página de ajuda do Conhecimento Compartilhado.
Título canônico
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Título original
Títulos alternativos
Data da publicação original
Pessoas/Personagens
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Lugares importantes
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Eventos importantes
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Filmes relacionados
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Premiações
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Epígrafe
Dedicatória
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
I dedicate this novel to the memory of my mother and father, to my sister Elisabeth Gille, to my children and grandchildren, and to everyone who has felt and continues to feel the tragedy of intolerance. Denise Epstein
Primeiras palavras
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Hot, thought the Parisians.
Citações
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Important events–whether serious, happy or unfortunate–do not change a man's soul, they merely bring it into relief, just as a strong gust of wind reveals the true shape of a tree when it blows off all the leaves.
Everything withdrew back into the night: the songs, the murmur of kisses, the soft brightness of the stars, the footsteps of the conqueror on the pavement and the sigh of the thirsty frog praying to the heavens for rain, in vain.
Últimas palavras
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
(Clique para mostrar. Atenção: Pode conter revelações sobre o enredo.)
Aviso de desambiguação
Editores da Publicação
Autores Resenhistas (normalmente na contracapa do livro)
Idioma original
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
CDD/MDS canônico

Referências a esta obra em recursos externos.

Wikipédia em inglês (4)

Life and death in occupied France during World War II.

Não foram encontradas descrições de bibliotecas.

Descrição do livro
Resumo em haiku

Links rápidos

Capas populares

Avaliação

Média: (3.97)
0.5 2
1 20
1.5 6
2 81
2.5 22
3 370
3.5 111
4 804
4.5 149
5 565

HighBridge

2 edições deste livro foram publicadas por HighBridge.

Edições: 1598870203, 1615730419

HighBridge Audio

Uma edição deste livro foi publicada pela HighBridge Audio.

» Página Web de informação sobre a editora

É você?

Torne-se um autor do LibraryThing.

 

Sobre | Contato | LibraryThing.com | Privacidade/Termos | Ajuda/Perguntas Frequentes | Blog | Loja | APIs | TinyCat | Bibliotecas Históricas | Os primeiros revisores | Conhecimento Comum | 155,524,564 livros! | Barra superior: Sempre visível