Página inicialGruposDiscussãoMaisZeitgeist
Pesquise No Site
Este site usa cookies para fornecer nossos serviços, melhorar o desempenho, para análises e (se não estiver conectado) para publicidade. Ao usar o LibraryThing, você reconhece que leu e entendeu nossos Termos de Serviço e Política de Privacidade . Seu uso do site e dos serviços está sujeito a essas políticas e termos.

Resultados do Google Livros

Clique em uma foto para ir ao Google Livros

Carregando...

Fight Club (1996)

de Chuck Palahniuk

Outros autores: Veja a seção outros autores.

Séries: Fight Club (1)

MembrosResenhasPopularidadeAvaliação médiaMenções
19,177326242 (4.07)226
Fiction. Literature. THE FIRST RULE about fight club is you don't talk about fight club. Every weekend, in the basements and parking lots of bars across the country, young men with whitecollar jobs and failed lives take off their shoes and shirts and fight each other barehanded just as long as they have to. Then they go back to those jobs with blackened eyes and loosened teeth and the sense that they can handle anything. Fight club is the invention of Tyler Durden, projectionist, waiter, and dark, anarchic genius, and it's only the beginning of his plans for violent revenge on an empty consumer-culture world.… (mais)
  1. 81
    American Psycho de Bret Easton Ellis (sacredheartofthescen)
    sacredheartofthescen: Both about bored men in American society that found odd ways to fill their time and become what they want to be.
  2. 51
    Choke de Chuck Palahniuk (Ti99er)
  3. 40
    Steppenwolf de Hermann Hesse (paradoxosalpha)
    paradoxosalpha: Fight Club could be read as an updated rewriting of Steppenwolf, with Hermine replaced by Tyler Durden, and the dance hall transformed to the fight club. Maria becomes Marla, and the Magic Theater becomes Operation Mayhem.
  4. 30
    The Wasp Factory de Iain Banks (arthurfrayn)
  5. 20
    The Seven Madmen de Roberto Arlt (CarlosMcRey)
    CarlosMcRey: Like Palahniuk's Joe, Arlt's Remo Erdosain seeks salvation through depravity and self-destruction in the midst of an urban wasteland.
  6. 20
    Mr. Overby Is Falling de Nathan Tyree (catdog2)
    catdog2: similar themes
  7. 31
    Lugar Nenhum de Neil Gaiman (Sylak)
    Sylak: A man unwittingly becomes involved in a surreal underworld parallel to his own.
  8. 10
    Ghosted de Shaughnessy Bishop-Stall (Liffey)
  9. 10
    The Nightly News de Jonathan Hickman (FFortuna)
  10. 02
    A Doll's House de Henrik Ibsen (Usuário anônimo)
  11. 69
    O grande Gatsby de F. Scott Fitzgerald (keristars)
    keristars: Palahniuk says in an afterword that Fight Club was intended to be similar to the Great Gatsby. In a way, it really is - there's a similar mood and sort of feeling of despair at modern society, though the Great Gatsby was written and occurs seventy years before Fight Club. The relationships between the primary three characters in each novel are also similar.… (mais)
Carregando...

Registre-se no LibraryThing tpara descobrir se gostará deste livro.

Ainda não há conversas na Discussão sobre este livro.

» Veja também 226 menções

Inglês (311)  Italiano (6)  Francês (3)  Espanhol (2)  Holandês (2)  Português (Brasil) (1)  Todos os idiomas (325)
O clube da luta é idealizado por Tyler Durden, que acredita ter encontrado uma maneira de viver fora dos limites da sociedade e das regras sem sentido. Mas o que está por vir de sua mente pode piorar muito. O livro serviu de base para um filme de 1999, procurando adaptar a atmosfera do livro, o mundo caótico do personagem e o humor negro do autor.
  matheus1berto21 | Jul 15, 2021 |
A volatile, brilliantly creepy satire filled with esoteric tips for causing destruction, Fight Club marks Chuck Palahniuk's debut as a novelist. Ever wonder how to pollute a plumbing system with red dye, or inject an ATM machine with axle grease or vanilla pudding? Along with instructions for executing such quirky acts of urban terrorism, Fight Club offers diabolically sharp and funny writing.
adicionado por Shortride | editarThe Washington Post, Karen Angel (Dec 1, 1996)
 
This brilliant bit of nihilism succeeds where so many self-described transgressive novels do not: It's dangerous because it's so compelling.
adicionado por Shortride | editarKirkus Reviews
 
Every generation frightens and unnerves its parents, and Palahniuk's first novel is gen X's most articulate assault yet on baby-boomer sensibilities. This is a dark and disturbing book that dials directly into youthful angst and will likely horrify the parents of teens and twentysomethings. It's also a powerful, and possibly brilliant, first novel.
adicionado por Shortride | editarBooklist, Thomas Gaughan
 
Caustic, outrageous, bleakly funny, violent and always unsettling, Palahniuk's utterly original creation will make even the most jaded reader sit up and take notice.
adicionado por Shortride | editarPublishers Weekly
 

» Adicionar outros autores (15 possíveis)

Nome do autorFunçãoTipo de autorObra?Status
Chuck Palahniukautor principaltodas as ediçõescalculado
Boomsma, GraaTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Colby, JamesNarradorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Kinzel, FredTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Você deve entrar para editar os dados de Conhecimento Comum.
Para mais ajuda veja a página de ajuda do Conhecimento Compartilhado.
Título canônico
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Título original
Títulos alternativos
Data da publicação original
Pessoas/Personagens
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Lugares importantes
Eventos importantes
Filmes relacionados
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Epígrafe
Dedicatória
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
For Carol Meader, who puts up with all my bad behavior.
Primeiras palavras
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Tyler gets me a job as a waiter, after that Tyler's pushing a gun in my mouth and saying, the first step to eternal life is you have to die.
Citações
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
1. You don't talk about fight club.

2. You don't talk about fight club.

3. When someone says stop, or goes limp, even if he's just faking it, the fight is over.

4. Only two guys to a fight.

5. One fight at a time.

6. They fight without shirts or shoes.

7. The fights go on as long as they have to.

8. If this is your first night at fight club, you have to fight.
It was that morning that Tyler Durden invented Project Mayhem.
Don't think of it as extinction. Think of it as downsizing.
Últimas palavras
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Aviso de desambiguação
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
This is the novel, not the film or screenplay.
Editores da Publicação
Autores Resenhistas (normalmente na contracapa do livro)
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Idioma original
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
CDD/MDS canônico
LCC Canônico

Referências a esta obra em recursos externos.

Wikipédia em inglês (2)

Fiction. Literature. THE FIRST RULE about fight club is you don't talk about fight club. Every weekend, in the basements and parking lots of bars across the country, young men with whitecollar jobs and failed lives take off their shoes and shirts and fight each other barehanded just as long as they have to. Then they go back to those jobs with blackened eyes and loosened teeth and the sense that they can handle anything. Fight club is the invention of Tyler Durden, projectionist, waiter, and dark, anarchic genius, and it's only the beginning of his plans for violent revenge on an empty consumer-culture world.

Não foram encontradas descrições de bibliotecas.

Descrição do livro
Resumo em haiku

Current Discussions

Nenhum(a)

Capas populares

Links rápidos

Avaliação

Média: (4.07)
0.5 12
1 52
1.5 7
2 202
2.5 63
3 877
3.5 209
4 2110
4.5 248
5 2000

É você?

Torne-se um autor do LibraryThing.

W.W. Norton

2 edições deste livro foram publicadas por W.W. Norton.

Edições: 0393327345, 0393039765

Recorded Books

Uma edição deste livro foi publicada pela Recorded Books.

» Página Web de informação sobre a editora

 

Sobre | Contato | LibraryThing.com | Privacidade/Termos | Ajuda/Perguntas Frequentes | Blog | Loja | APIs | TinyCat | Bibliotecas Históricas | Os primeiros revisores | Conhecimento Comum | 201,809,071 livros! | Barra superior: Sempre visível