Página inicialGruposDiscussãoExplorarZeitgeist
Pesquise No Site
Este site usa cookies para fornecer nossos serviços, melhorar o desempenho, para análises e (se não estiver conectado) para publicidade. Ao usar o LibraryThing, você reconhece que leu e entendeu nossos Termos de Serviço e Política de Privacidade . Seu uso do site e dos serviços está sujeito a essas políticas e termos.
Hide this

Resultados do Google Livros

Clique em uma foto para ir ao Google Livros

Spiritualiteit en abstractie in de kunst de…
Carregando...

Spiritualiteit en abstractie in de kunst (1910)

de Wassily Kandinsky, Charles Wentinck

MembrosResenhasPopularidadeAvaliação médiaMenções
1,304711,270 (3.7)7
Pioneering work by the great modernist painter, considered by many to be the father of abstract art and a leader in the movement to free art from traditional bonds. Kandinsky's provocative thoughts on color theory and the nature of art. Analysis of Picasso, Matisse, and earlier masters. 12 illustrations.… (mais)
Membro:Pimmster
Título:Spiritualiteit en abstractie in de kunst
Autores:Wassily Kandinsky
Outros autores:Charles Wentinck
Informação:Zeist : Vrij Geestesleven; 136 p., [8] p. pl, 22 cm; http://opc4.kb.nl/DB=1/PPN?PPN=298496135
Coleções:Sua biblioteca
Avaliação:
Etiquetas:Nenhum(a)

Work Information

Concerning the Spiritual in Art de Wassily Kandinsky (1910)

Adicionado recentemente porrodumi, Sepi, rigueirinha, Cervello, Moca1958, marydet, Biblio-Ortenburg
Bibliotecas HistóricasGillian Rose, Leslie Scalapino
Nenhum(a)
Carregando...

Registre-se no LibraryThing tpara descobrir se gostará deste livro.

Ainda não há conversas na Discussão sobre este livro.

» Veja também 7 menções

Concebido e redigido durante a fase de gestação do imaginário da modernidade, Do Espiritual na Arte dá testemunho de um momento crucial de pesquisa estética de um novo sistema de representação, vivido na atmosfera eufórica da descoberta da Necessidade Interior, assente numa vontade de se assumir como principio da história ou de uma nova era, segundo uma intenção idêntica àquela que Marinetti, pouco tempo antes, havia alardeado para o seu Futurismo Total. E, contudo, à fisicidade imagística do Super-Homem socio-ideológico do escritor e teórico italiano, opôs Kandinsky a espiritualidade do Parsifal wagneriano, ainda que moldada na mesma crença modernista da fusão do individuo condutor da humanidade no mundo sobrerreal arquitectado.
  Jonatas.Bakas | May 22, 2021 |
It's always a pleasure to read the words of someone who is passionate about something.

Kandinsky was clearly really passionate about painting, a researcher, an explorer of new ideas.

He exposes his views in this book.

To me it was a hard read because I have not the sensibility he had and at times I felt disconnected from his explanation.
You may not understand art much better but you would understand his mind. ( )
  trusmis | Nov 28, 2020 |
Aparecido en 1911, nos encontramos ante el texto teórico más difundido de Kandinsky, un discurso estético que desemboca en la práctica de la abstracción no figurativa. Lejos de ser un texto pragmático —no pretende apelar a la razón y al cerebro—, se expresa en un lenguaje de claras resonancias orientales, lleno de analogías, y busca resolver las dificultades de la expresión escrita por medio de asociaciones sensoriales y lingüísticas. Una obra que, gracias a su gran poder comunicativo, ha acabado ejerciendo una influencia profunda e indiscutible.
  bibliotecayamaguchi | Oct 19, 2020 |
DE LO ESPIRITUAL EN EL ARTE

Desde su mismo título, este libro de Vassily
Kandinsky nos sitúa en gran medida en la
fórmula pragmática de los expresionistas y, a
la vez, nos expresa, por primera vez, la
tendencia a la unificación sistemática de una
teoría artística.

No es casual que en lugar de una
simbiosis de las artes o de su aglomeración con
miras a una eficacia, se vea intervenir el
concepto de la reciprocidad técnica entre ellas.

De lo espiritual en el arte es la respuesta
personal de un pintor ante las dificultades
particulares de su oficio y .a la necesidad de
trazarse un esquema teórico en el cual apoyarse
para esclarecerse a sí mismo vital y
artísticamente.
  FundacionRosacruz | Sep 8, 2018 |
Vassily Vasiljevitsj Kandinsky, schilder en grafisch kunstenaar, werd in 1866 te Moskou geboren, waar hij ook studeerde in de rechten en de economie. Na afloop daarvan zegde hij de wetenschap vaarwel voor de beoefening van de kunst, waarin hij niet alleen creatief, maar ook vooral als theoreticus een vooraanstaande plaats ging innemen. Na uitgebreide studiereizen vestigde hij zich in 1908 in München. Sindsdien voltrok zich de grote overgang in zijn werk in de richting van de abstracte kunst. Zijn eerste boek, "Über das Geestige in der Kunst", waarvan dit boek een Nederlandse vertaling is, verscheen in 1912. In dat jaar stichtte hij met Franz Marc de groep "Der Blaue Reiter' (ook de titel van een daaraan gewijd boek). In de Eerste Wereldoorlog en enkele jaren daarna was hij weer in Rusland. Van 1922-1932 werkte hij mee aan het Bauhaus. Sedert 1934 werkte hij in Frankrijk, waar hij in 1944 in Neuilly-sur-Seine overleed. ( )
  fredvanheezik | Sep 5, 2015 |
Mostrando 1-5 de 7 (seguinte | mostrar todas)
sem resenhas | adicionar uma resenha

» Adicionar outros autores (19 possíveis)

Nome do autorFunçãoTipo de autorObra?Status
Wassily Kandinskyautor principaltodas as ediçõescalculado
Kandinsky, Wassilyautor principaltodas as ediçõesconfirmado
Rebay, HillaEd. And Tr.autor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Sadler, M. T. H.Tradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Você deve entrar para editar os dados de Conhecimento Comum.
Para mais ajuda veja a página de ajuda do Conhecimento Compartilhado.
Título canônico
Título original
Títulos alternativos
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Data da publicação original
Pessoas/Personagens
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Lugares importantes
Eventos importantes
Filmes relacionados
Premiações
Epígrafe
Dedicatória
Primeiras palavras
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Every work of art is the child of its age and, in many cases, the mother of our emotions. It follows that each period of culture produces an art of its own which can never be repeated. Efforts to revive the art-principles of the past will at best produce an art that is still-born. It is impossible for us to live and feel, as did the ancient Greeks. In the same way those who strive to follow the Greek methods in sculpture achieve only a similarity of form, the work remaining soulless for all time. Such imitation is mere aping. Externally the monkey completely resembles a human being; he will sit holding a book in front of his nose, and turn over the pages with a thoughtful aspect, but his actions have for him no real meaning.
Citações
Últimas palavras
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
(Clique para mostrar. Atenção: Pode conter revelações sobre o enredo.)
Aviso de desambiguação
Editores da Publicação
Autores Resenhistas (normalmente na contracapa do livro)
Idioma original
CDD/MDS canônico
Canonical LCC

Referências a esta obra em recursos externos.

Wikipédia em inglês (2)

Pioneering work by the great modernist painter, considered by many to be the father of abstract art and a leader in the movement to free art from traditional bonds. Kandinsky's provocative thoughts on color theory and the nature of art. Analysis of Picasso, Matisse, and earlier masters. 12 illustrations.

Não foram encontradas descrições de bibliotecas.

Descrição do livro
Resumo em haiku

Capas populares

Links rápidos

Avaliação

Média: (3.7)
0.5
1 1
1.5
2 5
2.5 1
3 38
3.5 6
4 31
4.5 4
5 21

É você?

Torne-se um autor do LibraryThing.

 

Sobre | Contato | LibraryThing.com | Privacidade/Termos | Ajuda/Perguntas Frequentes | Blog | Loja | APIs | TinyCat | Bibliotecas Históricas | Os primeiros revisores | Conhecimento Comum | 164,619,895 livros! | Barra superior: Sempre visível