Página inicialGruposDiscussãoMaisZeitgeist
Pesquise No Site
Este site usa cookies para fornecer nossos serviços, melhorar o desempenho, para análises e (se não estiver conectado) para publicidade. Ao usar o LibraryThing, você reconhece que leu e entendeu nossos Termos de Serviço e Política de Privacidade . Seu uso do site e dos serviços está sujeito a essas políticas e termos.
Hide this

Resultados do Google Livros

Clique em uma foto para ir ao Google Livros

The Crossing (The Border Trilogy, Book 2) de…
Carregando...

The Crossing (The Border Trilogy, Book 2) (edição: 1995)

de Cormac McCarthy (Autor)

Séries: Border Trilogy (2)

MembrosResenhasPopularidadeAvaliação médiaMenções
4,031542,222 (3.99)190
In the 1930s, two teenage brothers whose ranch in New Mexico was raided by bandits, cross into Mexico to search for stolen horses. The novel follows them through the revolution-torn countryside, meeting soldiers, peasants, priests and thieves, all proffering advice. By the author of All the Pretty Horses.… (mais)
Membro:Andr913
Título:The Crossing (The Border Trilogy, Book 2)
Autores:Cormac McCarthy (Autor)
Informação:Vintage (1995), 432 pages
Coleções:Sua biblioteca
Avaliação:
Etiquetas:Nenhum(a)

Detalhes da Obra

The Crossing de Cormac McCarthy

  1. 30
    All the Pretty Horses de Cormac McCarthy (beebowallace)
    beebowallace: The first of the border trilogy series.
  2. 10
    Cities of the Plain de Cormac McCarthy (beebowallace)
    beebowallace: The next & final book in the border trilogy series.
Carregando...

Registre-se no LibraryThing tpara descobrir se gostará deste livro.

Ainda não há conversas na Discussão sobre este livro.

» Veja também 190 menções

Inglês (50)  Italiano (3)  Holandês (1)  Todos os idiomas (54)
Mostrando 1-5 de 54 (seguinte | mostrar todas)
Talk about a heavy read. I never come out of a Cormac McCarthy book the same that I went in. Violent, depressing, awe inspiring, simple, deep, and dark are just some of the key adjectives that can be used to describe this deeply compelling (and at times disturbing) book. Sixteen year old Billy Parham captures a wolf that has been terrorizing his family's ranch. After weeks of trying to capture her he decides that he can't just kill such a magnificent creature (who happens to be pregnant). He brings her from her trap and on a whim decides to take her down to the mountains of Mexico. Armed with only his daddy's shotgun, the clothes on his back, his trusty horse, and the captured she wolf he embarks on a long life altering journey across the wild and often violent land of Mexico. For every thief he encounters, he is touched by at least three giving folks; many giving what little they own to the young American. A sweeping western that readers won't soon forget about (although I wish I could forget about the violence to animals -there is too damn much of it). ( )
  ecataldi | Jan 12, 2021 |
Travels in the direction of Blood Meridian more than All the Pretty Horses in many ways. Not nearly as cruel and hard as BM, but some passages are difficult to stomach as is one of McCarthy's speciality. You're forced to confront the side of humanity that makes most of us recoil with horror.

It is very much a McCarthy novel and no one can portray the indifferent, inane, and banal cruelty of life in the desert better. ( )
  ProfH | Dec 16, 2020 |
A bleak and uncompromising glimpse at the American West. Cormac McCarthy depresses me so much, and yet, I keep coming back for more. I can't even talk about the wolf. I. Just. Can't. ( )
  DrFuriosa | Dec 4, 2020 |
This is a worthy sequel to All the Pretty Horses yet I found the episodic nature of Billy Parham's journey to be a bit of a dip from the raw power of John Grady Cole's foray into Mexico. Partially because of the wealth of asides, some which lend themselves to deepening the journey (like the blind man) and some which seem to be too distended (like the airplane), and the fact that Parham is so much less capable than Cole. Perhaps maybe that's the point too. McCarthy's left me with a lot of questions and a harrowing vision of impenetrable dread. Maybe this will end up bumping it up a notch later on, we'll have to see.

McCarthy demonstrates again that he can deepen a reader's understanding of the world and the wild, harsh plains of the Southwest and Mexico. I'm looking forward to reading Cities of the Plains. ( )
1 vote b.masonjudy | Apr 3, 2020 |
Quando il destino gli offre l’occasione di passare oltre il confine, il giovane Billy Parham compie la sua scelta e dirige il cavallo verso il Messico. In un attimo fatale, come il Lord Jim di Conrad, Billy inaugura la propria storia. Siamo alle soglie della Seconda guerra mondiale, Billy e Boyd sono figli di un piccolo allevatore del New Mexico, autoritario e taciturno.
Dentro di loro è ancora vivo il ricordo della nonna materna, messicana, e il Paese al di là del confine attira entrambi con un fascino irresistibile. Catturata una lupa che si sta accanendo sul bestiame della famiglia, Billy decide di non consegnarla al padre, che la ucciderebbe, ma di riportarla sulle montagne messicane per restituirla al suo mondo. Inizia cosí, come un’insolita e struggente storia d’amore, il lungo viaggio avventuroso che porterà Bill e il fratello Boyd a ricongiungersi, a perdersi e a ritrovarsi di nuovo. Una storia d’apprendistato e di eterno vagabondare di cavalli e cavalieri, tra deserti di sale, montagne innevate e pianure d’erba alta.
  kikka62 | Jan 24, 2020 |
Mostrando 1-5 de 54 (seguinte | mostrar todas)
Mr. McCarthy, because he is interested in the mythic shape of lives, has always been interested in the young and the old or, if not the old, then those who have already performed some act so deep in their natures (often horrific, though not always) that it forecloses the idea of possibility. "Doomed enterprises," Mr. McCarthy's narrator remarks, "divide lives forever into the then and the now." So "The Crossing" is full of encounters between the young boys, who look so much like the pure arc of possibility, and the old they meet on the road, all of whom seem impelled, as if innocence were one of the vacuums that nature abhors, to tell them their stories, or prophesy, or give them advice.
adicionado por eereed | editarNew York Times, Robert Hass (Jun 12, 1994)
 

» Adicionar outros autores (12 possíveis)

Nome do autorFunçãoTipo de autorObra?Status
McCarthy, Cormacautor principaltodas as ediçõesconfirmado
Bernascone, RossellaTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Carosso, AndreaTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Wolf, HansTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado

Pertence à série

Pertence à série publicada

Você deve entrar para editar os dados de Conhecimento Comum.
Para mais ajuda veja a página de ajuda do Conhecimento Compartilhado.
Título canônico
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Título original
Títulos alternativos
Data da publicação original
Pessoas/Personagens
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Lugares importantes
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Eventos importantes
Filmes relacionados
Premiações
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Epígrafe
Dedicatória
Primeiras palavras
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Kun he tulivat etelään Grantin piirikunnasta Boyd oli vielä melkein sylilapsi ja vastikään muodostettu ja Hidalgoksi nimetty piirikunta oli vain vähän lasta vanhempi.
When they came south out of Grant County Boyd was not much more than a baby and the newly formed county they'd named Hidalgo was itself little older than the child.
Citações
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
I aint goin nowheres.
Últimas palavras
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
(Clique para mostrar. Atenção: Pode conter revelações sobre o enredo.)
(Clique para mostrar. Atenção: Pode conter revelações sobre o enredo.)
Aviso de desambiguação
Editores da Publicação
Autores Resenhistas (normalmente na contracapa do livro)
Idioma original
CDD/MDS canônico

Referências a esta obra em recursos externos.

Wikipédia em inglês (1)

In the 1930s, two teenage brothers whose ranch in New Mexico was raided by bandits, cross into Mexico to search for stolen horses. The novel follows them through the revolution-torn countryside, meeting soldiers, peasants, priests and thieves, all proffering advice. By the author of All the Pretty Horses.

Não foram encontradas descrições de bibliotecas.

Descrição do livro
Resumo em haiku

Links rápidos

Capas populares

Avaliação

Média: (3.99)
0.5
1 12
1.5 1
2 29
2.5 5
3 154
3.5 34
4 304
4.5 49
5 245

É você?

Torne-se um autor do LibraryThing.

 

Sobre | Contato | LibraryThing.com | Privacidade/Termos | Ajuda/Perguntas Frequentes | Blog | Loja | APIs | TinyCat | Bibliotecas Históricas | Os primeiros revisores | Conhecimento Comum | 158,845,762 livros! | Barra superior: Sempre visível