Página inicialGruposDiscussãoMaisZeitgeist
Pesquise No Site
Este site usa cookies para fornecer nossos serviços, melhorar o desempenho, para análises e (se não estiver conectado) para publicidade. Ao usar o LibraryThing, você reconhece que leu e entendeu nossos Termos de Serviço e Política de Privacidade . Seu uso do site e dos serviços está sujeito a essas políticas e termos.
Hide this

Resultados do Google Livros

Clique em uma foto para ir ao Google Livros

The Analects[ANALECTS REV/E][Paperback] de…
Carregando...

The Analects[ANALECTS REV/E][Paperback] (edição: 1995)

de Confucius (Autor)

MembrosResenhasPopularidadeAvaliação médiaConversas / Menções
5,034491,584 (3.72)1 / 66
Few individuals have shaped their country's civilization more profoundly than the Master Kong (Confucius, 551-479 BC). Compulsory reading in the late Imperial period for all who wished to enter the Civil Service or Government, his sayings and those of his disciples form the foundation of adistinct social, ethical, and intellectual system. They have retained their freshness and vigour throughout the two and a half millennia of their currency, and are still admired even in today's China.This lively new translation with clear explanatory notes by one of the foremost scholars of classical Chinese provides the ideal introduction to the Analects for readers who have no previous knowledge of the Chinese language and philosophical traditions.… (mais)
Membro:yfanzz
Título:The Analects[ANALECTS REV/E][Paperback]
Autores:Confucius (Autor)
Informação:DoverPublications (1995)
Coleções:Sua biblioteca
Avaliação:
Etiquetas:Nenhum(a)

Detalhes da Obra

The Analects de Confucius

Carregando...

Registre-se no LibraryThing tpara descobrir se gostará deste livro.

» Veja também 66 menções

Inglês (46)  Finlandês (1)  Espanhol (1)  Sueco (1)  Todos os idiomas (49)
Mostrando 1-5 de 49 (seguinte | mostrar todas)
The rating is for the Hackett edition of Confucius' Analects, translated and annotated by Edward Slingerland. This is an outstanding edition (I've found most Hackett editions of things to be extremely dependable, useful and well-made/done). The translation reads well, and the notes alone are worth the price. Bravo. You'll learn a lot, and have a good time doing it. ( )
  tungsten_peerts | Mar 28, 2021 |
Some of this is hard to understand without context, but there's definitely a lot of ideas worth contemplating in The Analects. ( )
  SGTCat | Feb 25, 2021 |
You can't review the Analects. But you can review editions of the Analects, and this one, translated and commented upon by Annping Chin, is one of the great editions of any philosophy book I've ever come across. The translation clear without being condescending, and Chin includes the Chinese text at the back of the book. Her comments are fascinating; best of all, she includes references to and quotes from the many traditional commentaries on the book, so you know not only what e.g. one random American translator thinks about a given passage, but what one random American professor thinks about it... and one to four of the best known Confucians and scholars of Confucius' thought. It's almost a history of Confucian thought and scholarship in itself:

E.g., in 6.22 Fan Chi asks about wisdom and humaneness. We get information about who Fan Chi was, and learn that "the Song statesman and general Fan Zhongyan, many centuries later, rephrased what Confucius says... 'To be first in worrying about the world's worries and last to enjoy its pleasures'" is to be truly committed to public service.

It's hard to express my enthusiasm for this edition, really.

One small thought about the Analects themselves: Chin's translation, more than others I've read, helped me understand the importance Confucius places on education and tradition: tradition (i.e., the rites) holds us back, while education (i.e., literature) lets us broaden ourselves. To have either without the other produces a vicious person; to have them both in perfect balance produces the best person. Were I still a scholar, I'd love to write a paper about Confucius as negative dialectician. Thankfully, I'm not.

( )
  stillatim | Oct 23, 2020 |
NB: This review is not for The Analects (which one couldn't review, any more than one could review the Bible). This review is for the DC Lau translation/Penguin Classics edition.

The introduction to this edition is atrocious. Fussy, stilted, and thoroughly uninspiring. Half the introduction is spent pouring over specific etymologies, which should have been saved for a "Translator's Note" aimed at scholars or for those that have an ambition to read classical Chinese. The rest is a "anorak's guide" to Confucius, which only hints at more interesting, human or historical interpretations.

He dismisses the notion that Confucius's worldview could be seen as authoritarian - without ever explaining who thought that or why it might be. No reference is made to the use of Confucianism as a tool by past Chinese governments, or any prior Western readings. He's like a trainspotter who's forgotten what trains are for.

The worst part is his total credulity of Confucius' saintliness, forgetting he was first-and-foremost a man. He cites Confucius dismissing contemporary Chinese music as an example of his commitment to things that are morally pure. It doesn't seem to occur to Lau that contemporary Chinese music has an "impure" reputation *because* of Confucius, or indeed - much more likely - that Confucius simply had an old-fashioned taste in music and made it a moral issue, as those in the 1950s did with Rock n Roll.

As far as the accuracy of the translation goes, I'll have to take DC Lau's account. It's perfectly readable, although the typeface is dense. The Analects themselves are of course timeless. ( )
  sometimeunderwater | Jul 20, 2019 |
The Penguin edition, translated by D. C. Lau, is quite readable and has a lot of extra material: an extensive introduction, two appendices on Events in the Life of Confucius and The Disciples of Confucius, and more. All this helps put a text which is over 2500 years old into perspective. Just because people who can read Chinese can still read Kung Zi in the original doesn't mean we can understand it without notes.
  muumi | Jun 22, 2019 |
Mostrando 1-5 de 49 (seguinte | mostrar todas)
sem resenhas | adicionar uma resenha

» Adicionar outros autores (165 possíveis)

Nome do autorFunçãoTipo de autorObra?Status
Confuciusautor principaltodas as ediçõescalculado
Allan, SarahIntroduçãoautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Ames, Roger T.Tradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Appelbaum, StanleyEditorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Blackerby, RicIlustradorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Bock, KlausEditorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Bojun, YangTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Bowman, John S.Prefaceautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Brooks, A. Taekoautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Cai, Jack J.Tradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Castellani, Albertoautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Chung, Chih Tsaiautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Citati, Pietroautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Clay, RichardDesignerautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Cox, E. A.Ilustradorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Crofts, ThomasEditorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Dawson, RaymondTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Ferreira, Múcio PorphyrioEditorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Fick-Lugten, W.A.autor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Giles, LionelIntroduçãoautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Gou Chengyi 勾承益autor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Grayling, A. C.Prefácioautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Guanjie, Xinautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Haštaba, Z.Tradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Henrikson, AlfTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Hinton, DavidTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Hsiao ChaoIlustradorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Kallio, JyrkiTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Kennedy, Paul E.Designer da capaautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Koskikallio, ToivoTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Lau, D. C.Tradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Lévy, Andréautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Legge, JamesTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Leys, SimonTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Li, David H.Tradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Lippiello, T.Editorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Lyall, Leonard A.Tradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Marks, SaulDesignerautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Masi, Edoardaautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Mäll, Linnartautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
McPharlin, Paulautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Morehead, LouEditorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Moritz, RalfHerausgeberautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Pelikan, JaroslavEditorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Radice, BettyEditorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Rosemont, HenryTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Ryckmans, Pierreautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Shi Yanbo 石延博autor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Slingerland, Edward G.Tradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Soothill, William EdwardTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Waley, ArthurTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Ware, James R.Tradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Watson, BurtonTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Wilhelm, Richardautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Wilkinson, RobertIntroduçãoautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Wyatt, RobertPrefácioautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Yang, Bojunautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Yü, LunEditorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Yu, EmmaTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Yu-ho, TsengIlustradorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Zeng, Youheautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Zhao MengjianArtista da capaautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Você deve entrar para editar os dados de Conhecimento Comum.
Para mais ajuda veja a página de ajuda do Conhecimento Compartilhado.
Título canônico
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Título original
Títulos alternativos
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Data da publicação original
Pessoas/Personagens
Lugares importantes
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Eventos importantes
Filmes relacionados
Premiações
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Epígrafe
Dedicatória
Primeiras palavras
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Despite his immense importance in the Chinese tradition, little that is certain is known about Confucius. (Introduction)
1. The Master said, 'Is it not a pleasure, having learned something, to try it out at due intervals? Is it not a joy to have friends come from afar? Is it not gentlemanly not to take offense when others fail to appreciate your abilities?'
The Master said: "To learn, and then, in its due season, put what you have learned into practice—isn't that still a great pleasure?" (Hinton translation)
Citações
Últimas palavras
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
(Clique para mostrar. Atenção: Pode conter revelações sobre o enredo.)
(Clique para mostrar. Atenção: Pode conter revelações sobre o enredo.)
Aviso de desambiguação
Editores da Publicação
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Autores Resenhistas (normalmente na contracapa do livro)
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Idioma original
CDD/MDS canônico
Few individuals have shaped their country's civilization more profoundly than the Master Kong (Confucius, 551-479 BC). Compulsory reading in the late Imperial period for all who wished to enter the Civil Service or Government, his sayings and those of his disciples form the foundation of adistinct social, ethical, and intellectual system. They have retained their freshness and vigour throughout the two and a half millennia of their currency, and are still admired even in today's China.This lively new translation with clear explanatory notes by one of the foremost scholars of classical Chinese provides the ideal introduction to the Analects for readers who have no previous knowledge of the Chinese language and philosophical traditions.

Não foram encontradas descrições de bibliotecas.

Descrição do livro
Resumo em haiku

Links rápidos

Discussões em Andamento

Three Chinese classics em Philosophy and Theory

Capas populares

Avaliação

Média: (3.72)
0.5 1
1 10
1.5 4
2 27
2.5 3
3 123
3.5 34
4 145
4.5 11
5 105

É você?

Torne-se um autor do LibraryThing.

 

Sobre | Contato | LibraryThing.com | Privacidade/Termos | Ajuda/Perguntas Frequentes | Blog | Loja | APIs | TinyCat | Bibliotecas Históricas | Os primeiros revisores | Conhecimento Comum | 157,776,400 livros! | Barra superior: Sempre visível