Página inicialGruposDiscussãoMaisZeitgeist
Pesquise No Site
Este site usa cookies para fornecer nossos serviços, melhorar o desempenho, para análises e (se não estiver conectado) para publicidade. Ao usar o LibraryThing, você reconhece que leu e entendeu nossos Termos de Serviço e Política de Privacidade . Seu uso do site e dos serviços está sujeito a essas políticas e termos.

Resultados do Google Livros

Clique em uma foto para ir ao Google Livros

Carregando...

A Revolta de Atlas (1957)

de Ayn Rand

Outros autores: Veja a seção outros autores.

MembrosResenhasPopularidadeAvaliação médiaMenções
22,547398173 (3.71)571
This is the story of a man who said that he would stop the motor of the world, and did. Is he a destroyer or a liberator? Why does he have to fight his battle not against his enemys but against those who need him most? Why does he fight his hardest battle against the woman he loves? You will learn the answers to these questions when you discover the reason behind the baffling events that play havoc with the lives of the amazing men and women in this remarkable book. Tremendous in scope, breathtaking in its suspense, "Atlas shrugged" is Ayn Rand's magnum opus, which launched an ideology and a movement. With the publication of this work in 1957, Rand gained an instant following and became a phenomenon. "Atlas shrugged" emerged as a premier moral apologia for Capitalism, a defense that had an electrifying effect on millions of readers (and now listeners) who have never heard Capitalism defended in other than technical terms.… (mais)
Adicionado recentemente porjmiah2412, mten1325, koinoniafarm, Ahdom, biblioteca privada, bluenancyhawaii907, ExleyLibrary, katiebean70, Joannlj, bowserdorf
Bibliotecas HistóricasGillian Rose
  1. 154
    The Fountainhead de Ayn Rand (PghDragonMan, bigtent21, thebookpile)
    PghDragonMan: This earlier work is more lyrical and is a milder, and more condensed, version of the philosophy expressed by this work.
    bigtent21: "Atlas Shrugged" and "The Fountainhead" are becoming more relevant as we head into 2009. Large Government Buyouts and Regulation are the scourge of Atlas Shrugged and the outright sponsoring of mediocrity predominates The Fountainhead. Rand can be long-winded, but these two books are must reads regardless of your own personal beliefs.… (mais)
  2. 72
    The Wealth of Nations de Adam Smith (thebookpile)
  3. 73
    Essays on Ayn Rand's Atlas Shrugged de Robert Mayhew (mcaution)
    mcaution: Gain a deeper understanding and appreciation of Rand's magnum opus through this unique collection of scholarly criticism. See why after 50+ years in print it's selling better than when it was first published.
  4. 63
    The Dispossessed de Ursula K. Le Guin (lauranav)
  5. 74
    The Ayn Rand Cult de Jeff Walker (bertilak)
  6. 41
    The Road to Serfdom de F. A. Hayek (ljessen)
  7. 10
    Blood Republic de James Duncan (Usuário anônimo)
    Usuário anônimo: If you love books that try to push the envelope of philosophical thought, but do it within a rapid-fire plot, this is the book for you.
  8. 00
    Wiseguy de Nicholas Pileggi (kswolff)
    kswolff: Henry Hill, like Dagny Taggart, uses ingenuity and skill to avoid his income getting taxed by repressive moocher FBI agents and Narcs.
  9. 11
    The God of the Machine de Isabel Paterson (bertilak)
  10. 00
    The Probability Broach de L. Neil Smith (fulner)
    fulner: The probably broach is like Atlas Shrugged meets inter-dimensional time travel.
  11. 11
    Progress de Charles Stampul (PeerlessPress)
  12. 01
    The Leopard's Spots de Thomas Dixon Jr. (Usuário anônimo)
    Usuário anônimo: Both of these books are famous for being controversial, and are as hated by their detractors as they are loved by their fans. They also both have a long winded speech by a character who starts off not being a real part of the story and ends up being the full protagonist.… (mais)
  13. 01
    Ten Rallies de Pasquin (PghDragonMan)
    PghDragonMan: Do the needs of the many outweigh the value of the individual?
  14. 23
    Goddess of the Market: Ayn Rand and the American Right de Jennifer Burns (szarka)
  15. 12
    Faith of the Fallen de Terry Goodkind (Cecrow)
    Cecrow: Fans of both Ayn Rand and the fantasy genre will find affirmation in Goodkind's series, notably beginning with this entry.
  16. 23
    The Year of the Flood de Margaret Atwood (rratzlaff)
  17. 23
    Metaphysics de Aristotle (thebookpile)
  18. 03
    Juliette de D.A.F. de Sade (kswolff)
    kswolff: Like "Atlas Shrugged," it is an aspirational epic about a strong-minded, pleasure-seeking woman triumphing over adversity and the herd mentality of her fellow humans. Sade, like Rand, was also a strident atheist given to writing characters give long speeches.
  19. 29
    The Stand: The Complete and Uncut Edition de Stephen King (missmaddie)
    missmaddie: Epic struggles of good vs. evil
Carregando...

Registre-se no LibraryThing tpara descobrir se gostará deste livro.

Ainda não há conversas na Discussão sobre este livro.

» Veja também 571 menções

Inglês (377)  Espanhol (4)  Português (Brasil) (2)  Alemão (1)  Búlgaro (1)  Húngaro (1)  Todos os idiomas (386)
Exibindo 2 de 2
Considerado o livro mais influente nos Estados Unidos depois da Bíblia, segundo a Biblioteca do Congresso americano, A revolta de Atlas é um romance monumental. A história se passa numa época imprecisa, quando as forças políticas de esquerda estão no poder. Último baluarte do que ainda resta do capitalismo num mundo infestado de repúblicas populares, os Estados Unidos estão em decadência e sua economia caminha para o colapso.
Nesse cenário desolador em que a intervenção estatal se sobrepõe a qualquer iniciativa privada de reerguer a economia, os principais líderes da indústria, do empresariado, das ciências e das artes começam a sumir sem deixar pistas. Com medidas arbitrárias e leis manipuladas, o Estado logo se apossa de suas propriedades e invenções, mas não é capaz de manter a lucratividade de seus negócios.
Ayn Rand traça um panorama estarrecedor de uma realidade em que o desaparecimento das mentes criativas põe em xeque toda a existência. Com personagens fascinantes, a autora apresenta os princípios de sua filosofia: a defesa da razão, do individualismo, do livre mercado e da liberdade de expressão, bem como os valores segundo os quais o homem deve viver – a racionalidade, a honestidade, a justiça, a independência, a integridade, a produtividade e o orgulho.
Best-seller há mais de 50 anos, com mais de 11 milhões de exemplares vendidos no mundo, A revolta de Atlas desafia algumas das crenças mais arraigadas da sociedade atual. Sua mensagem transformadora conquistou uma legião de leitores e fãs: cada indivíduo é responsável por suas ações e por buscar a liberdade e a felicidade como valores supremos.
  FranklinJRibeiro | Jan 13, 2023 |
Obra que mescla a filosofia da altora com uma história de mistério e até um pouco de ficção científica. ( )
  hrjunior | Dec 24, 2011 |
Exibindo 2 de 2
"Despite laborious monologues, the reader will stay with this strange world, borne along by its story and eloquent flow of ideas."
adicionado por GYKM | editarNewsweek
 
"to warn contemporary America against abandoning its factories, neglecting technological progress and abolishing the profit motive seems a little like admonishing water against running uphill."
adicionado por GYKM | editarThe New Yorker
 
"inspired" and "monumental" but "(t)o the Christian, everyone is redeemable. But Ayn Rand’s ethical hardness may repel those who most need her message: that charity should be voluntary…. She should not have tried to rewrite the Sermon on the Mount."
 
Atlas Shrugged represents a watershed in the history of world literature.
 
Read more at: http://www.nationalreview.com/article...

"We struggle to be just. For we cannot help feeling at least a sympathetic pain before the sheer labor, discipline, and patient craftsmanship that went to making this mountain of words. But the words keep shouting us down. In the end that tone dominates. But it should be its own antidote, warning us that anything it shouts is best taken with the usual reservations with which we might sip a patent medicine. Some may like the flavor. In any case, the brew is probably without lasting ill effects. But it is not a cure for anything. Nor would we, ordinarily, place much confidence in the diagnosis of a doctor who supposes that the Hippocratic Oath is a kind of curse."

"remarkably silly" and "can be called a novel only by devaluing the term" ... "From almost any page of Atlas Shrugged, a voice can be heard, from painful necessity, commanding: 'To the gas chambers — go!'"
adicionado por danielx | editarNational Review, Whittaker Chambers (Dec 8, 1957)
 

» Adicionar outros autores

Nome do autorFunçãoTipo de autorObra?Status
Rand, Aynautor principaltodas as ediçõesconfirmado
Alberro, HernánTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Amor, ClaudiaTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Çorakçı Dişbudak, BelkısTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Balbusso, AnnaIlustradorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Balbusso, ElenaIlustradorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Bastide-Foltz, SophieTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Brick, ScottNarradorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
De Voogt, JanTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Dirda, MichaelIntroduçãoautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Erener, SerdarPrefácioautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Freccero, MaudTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Herrmann, EdwardNarradorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Hurt, ChristopherNarradorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Iivonen, JyrkiTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Jakubeit, AliceTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Kais, LeilaTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Kofman, LuisTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Lyall, DennisIlustradorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Mayo, FrankIlustradorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Peikoff, LeonardIntroduçãoautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Reading, KateNarradorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Salter, GeorgeIlustradorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Voogt, Jan deTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Yildiz, ŞerifTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Você deve entrar para editar os dados de Conhecimento Comum.
Para mais ajuda veja a página de ajuda do Conhecimento Compartilhado.
Título canônico
Título original
Títulos alternativos
Data da publicação original
Pessoas/Personagens
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Lugares importantes
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Eventos importantes
Filmes relacionados
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Epígrafe
Dedicatória
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
To Frank O'Connor and Nathaniel Branden
To Frank O'Connor
Primeiras palavras
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
"Who is John Galt?"
Citações
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
"The world is crashing faster than we expected", said Hugh Akston.
Últimas palavras
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
(Clique para mostrar. Atenção: Pode conter revelações sobre o enredo.)
Aviso de desambiguação
Editores da Publicação
Autores Resenhistas (normalmente na contracapa do livro)
Idioma original
CDD/MDS canônico
LCC Canônico

Referências a esta obra em recursos externos.

Wikipédia em inglês (1)

This is the story of a man who said that he would stop the motor of the world, and did. Is he a destroyer or a liberator? Why does he have to fight his battle not against his enemys but against those who need him most? Why does he fight his hardest battle against the woman he loves? You will learn the answers to these questions when you discover the reason behind the baffling events that play havoc with the lives of the amazing men and women in this remarkable book. Tremendous in scope, breathtaking in its suspense, "Atlas shrugged" is Ayn Rand's magnum opus, which launched an ideology and a movement. With the publication of this work in 1957, Rand gained an instant following and became a phenomenon. "Atlas shrugged" emerged as a premier moral apologia for Capitalism, a defense that had an electrifying effect on millions of readers (and now listeners) who have never heard Capitalism defended in other than technical terms.

Não foram encontradas descrições de bibliotecas.

Descrição do livro
Resumo em haiku

Biblioteca Histórica: Ayn Rand

Ayn Rand tem uma Biblioteca Histórica. As bibliotecas históricas são bibliotecas privadas de leitores famosos introduzidas por membros do LibraryThing que integram o grupo Biblioteca Históricas.

Veja de Ayn Rand o perfil histórico.

Veja de a página de autor deAyn Rand.

Current Discussions

Nenhum(a)

Capas populares

Links rápidos

Avaliação

Média: (3.71)
0.5 59
1 417
1.5 26
2 446
2.5 54
3 783
3.5 127
4 1246
4.5 124
5 1790

 

Sobre | Contato | LibraryThing.com | Privacidade/Termos | Ajuda/Perguntas Frequentes | Blog | Loja | APIs | TinyCat | Bibliotecas Históricas | Os primeiros revisores | Conhecimento Comum | 207,053,773 livros! | Barra superior: Sempre visível