Página inicialGruposDiscussãoMaisZeitgeist
Pesquise No Site
Este site usa cookies para fornecer nossos serviços, melhorar o desempenho, para análises e (se não estiver conectado) para publicidade. Ao usar o LibraryThing, você reconhece que leu e entendeu nossos Termos de Serviço e Política de Privacidade . Seu uso do site e dos serviços está sujeito a essas políticas e termos.

Resultados do Google Livros

Clique em uma foto para ir ao Google Livros

Carregando...

Maurice (1971)

de E. M. Forster

Outros autores: Veja a seção outros autores.

MembrosResenhasPopularidadeAvaliação médiaMenções
4,186722,855 (3.95)143
Written during 1913 and 1914, Maurice deals with the then unmentionable subject of homosexuality. More unusual, it concerns a relationship that ends happily.
  1. 50
    The Charioteer de Mary Renault (emanate28)
    emanate28: Understated, loving, and in a way heartbreaking depiction of love between two men in repressive British society.
  2. 30
    The Obelisk de E. M. Forster (DitisSuzanne)
  3. 30
    Why We Never Danced the Charleston de Harlan Greene (lucybrown)
    lucybrown: Both books examine young men coming to terms with their homosexuality in a time period when it was entirely unaccepted, even illegal. Forster's book is set in the late Victorian England (1914)and Greene's 1920s Charleston, SC. Both are well written though stylistically different.… (mais)
  4. 31
    A Passage to India de E. M. Forster (li33ieg)
    li33ieg: The man is brilliant! One should read all of his books!
  5. 10
    The Lost Language of Cranes: A Novel de David Leavitt (Booksloth)
  6. 21
    Giovanni's Room de James Baldwin (jonathankws)
  7. 10
    A Month in the Country de J. L. Carr (1502Isabella)
  8. 10
    The Importance of Being Earnest de Oscar Wilde (susanbooks)
    susanbooks: Maurice mentions Oscar Wilde a couple of times & you can imagine the characters in the novel and the play socializing in some drawing room together
  9. 00
    Simple Man: The Autobiography of Peter West de Ruadhán J. McElroy (youngsoulrebel)
  10. 00
    Tell it to the Bees de Fiona Shaw (MinaKelly)
  11. 11
    Confessions of a Mask de Yukio Mishima (GYKM)
    GYKM: Another LGBT Bildungsroman
  12. 11
    Alec de William Di Canzio (susanbooks)
  13. 01
    Stalky & Co. de Rudyard Kipling (aulsmith)
    aulsmith: Maurice is kind of a Stalky grown-up to be gay.
  14. 01
    Basil de Wilkie Collins (susanbooks)
  15. 01
    Outline of My Lover de Douglas A. Martin (susanbooks)
Carregando...

Registre-se no LibraryThing tpara descobrir se gostará deste livro.

Ainda não há conversas na Discussão sobre este livro.

» Veja também 143 menções

Inglês (65)  Italiano (2)  Espanhol (1)  Português (1)  Francês (1)  Todos os idiomas (70)
Mostrando 1-5 de 70 (seguinte | mostrar todas)
4 Stars

I’m not well versed in historic stories of the British upper class, but I’m happy to say that despite the fear, despite having to hide, Maurice finds love, grabs on, and refuses to let go.

Though published posthumously, all the stars for having been written at all in a time of blatant unacceptance.
( )
  A_Reader_Obsessed | Apr 21, 2024 |
I found this book horrifying and illuminating. It follows the life of a young privileged man in the early years of the 20th century as he progresses through school, Cambridge and young adulthood. He comes to realise he is homosexual, and it is the depiction of his feelings and conduct which is so very unsettling. I was aware of course that homosexuality was illegal and in every way frowned upon at that time. What I didn't realise though was that as well as needing to keep their sexuality under wraps, homosexuals battled very real feelings of shame, often seeing themselves as 'beastly'. Their sexual orientation might colour the entire way they lived their lives and formed relationships with family, friends and colleagues. Maurice, the subject of this book is to a large extent a prisoner of his sexuality and class, and a not altogether likeable character, though it's easy to sympathise with him. Only the ending failed to convince. An unsettling but worthwhile read. ( )
  Margaret09 | Apr 15, 2024 |
L’aspetto che mi ha colpito di più di Maurice è stato il racconto di cosa accade a un uomo gay quando per la società egli è uno di quelli là ed è costretto a seguire la filosofia del fai quello che vuoi purché non si sappia in giro.

Maurice ci mostra come il suo omonimo protagonista cerchi la sua strada e di come questa gli si presenti così dolorosamente solitaria e così vischiosa per l’ipocrisia di chi non vuole o fa finta di non vedere. È difficile relazionarsi con il mondo, o anche solo con i propri familiari, in modo sano quando una parte tanto importante di te dovrà rimanere nascosta, per evitare lo scandalo e una sofferenza che a volte si sogna nella speranza possa far cessare quella presente, anche se si è ben consapevoli di quanto possa essere distruttiva.

All’inizio del romanzo è facile provare antipatia per Maurice: non è il tipico personaggio che suscita le simpatie di chi legge, eppure nel proseguimento della lettura si finisce per sperare in un lieto fine perché il riconoscimento dei diritti umani prescinde dalle simpatie. Forster è bravissimo nel mettere su carta il dramma di Maurice, che prima teme la scoperta della propria sessualità e poi, quando la felicità sembra lì a portata di mano e questa fugge via, è incapace di tornare indietro per fingere di non essere mai stato libero e per incatenarsi a un matrimonio che non vuole.

Forster scrisse al suo amico, Forrest Reid: «L’uomo del mio libro, considerato nel complesso, è buono, ma manca poco che la società non lo distrugga, e attraversa la vita quasi scantonando, furtivo e sparuto, gravato da un senso di colpa». È un’affermazione ancora così tristemente attuale che i dubbi che Forster nutriva sull’opportunità di pubblicare Maurice anche dopo la sua morte sono del tutto comprensibili (tanto che sulla copertina del dattiloscritto lasciò scritto: «Pubblicabile… però ne vale la pena?»). Meno male, però, che alla fine è stato pubblicato: non solo per il valore letterario del romanzo, ma anche per il conforto che avrà saputo dare nel tempo a tante persone. ( )
  lasiepedimore | Jan 11, 2024 |
It took a little to get into, but I'm glad I stuck with it. It wasn't what I expected in a good way. ( )
  ElektraBurgos | Oct 23, 2023 |
I adored this book. It's romantic and passionate and beautifully written. Forster's prose is exquisite - filled with style and wit. There's also enormous wisdom to be found and he's clearly one of those authors who is a brilliant observer. Every scene rings with emotional truth: characters make speeches but they also get distracted halfway through them; they do or say exactly the opposite of what they intend to; harm is done by timing and tone as much as by action or speech.

And the subject matter! The book is brave and fierce and hopeful at a time when that must have been almost impossible. I can't recommend this book highly enough and I'm already looking forward to rereading it. ( )
  robfwalter | Jul 31, 2023 |
Mostrando 1-5 de 70 (seguinte | mostrar todas)
sem resenhas | adicionar uma resenha

» Adicionar outros autores (27 possíveis)

Nome do autorFunçãoTipo de autorObra?Status
Forster, E. M.autor principaltodas as ediçõesconfirmado
Furbank, P. N.Editorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Leavitt, DavidIntroduçãoautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Você deve entrar para editar os dados de Conhecimento Comum.
Para mais ajuda veja a página de ajuda do Conhecimento Compartilhado.
Título canônico
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Título original
Títulos alternativos
Data da publicação original
Pessoas/Personagens
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Lugares importantes
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Eventos importantes
Filmes relacionados
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Epígrafe
Dedicatória
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Dedicated to a Happier Year
Primeiras palavras
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Once a term the whole school went for a walk – that is to say the three masters took part as well as all the boys.
Citações
Últimas palavras
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
(Clique para mostrar. Atenção: Pode conter revelações sobre o enredo.)
Aviso de desambiguação
Editores da Publicação
Autores Resenhistas (normalmente na contracapa do livro)
Idioma original
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
CDD/MDS canônico
LCC Canônico

Referências a esta obra em recursos externos.

Wikipédia em inglês (1)

Written during 1913 and 1914, Maurice deals with the then unmentionable subject of homosexuality. More unusual, it concerns a relationship that ends happily.

Não foram encontradas descrições de bibliotecas.

Descrição do livro
Resumo em haiku

Current Discussions

Nenhum(a)

Capas populares

Links rápidos

Avaliação

Média: (3.95)
0.5
1 9
1.5 1
2 35
2.5 7
3 173
3.5 35
4 302
4.5 35
5 241

É você?

Torne-se um autor do LibraryThing.

 

Sobre | Contato | LibraryThing.com | Privacidade/Termos | Ajuda/Perguntas Frequentes | Blog | Loja | APIs | TinyCat | Bibliotecas Históricas | Os primeiros revisores | Conhecimento Comum | 206,069,262 livros! | Barra superior: Sempre visível