Página inicialGruposDiscussãoMaisZeitgeist
Pesquise No Site
Este site usa cookies para fornecer nossos serviços, melhorar o desempenho, para análises e (se não estiver conectado) para publicidade. Ao usar o LibraryThing, você reconhece que leu e entendeu nossos Termos de Serviço e Política de Privacidade . Seu uso do site e dos serviços está sujeito a essas políticas e termos.
Hide this

Resultados do Google Livros

Clique em uma foto para ir ao Google Livros

Carregando...

Storm in a Teacup: The Physics of Everyday Life

de Helen Czerski

MembrosResenhasPopularidadeAvaliação médiaMenções
264976,337 (4.19)13
"A physicist explains daily phenomena from the mundane to the magisterial. Take a look up at the stars on a clear night and you get a sense that the universe is vast and untouchable, full of mysteries beyond comprehension. But did you know that the key to unveiling the secrets of the cosmos is as close as the nearest toaster? In Storm in a Teacup, Helen Czerski provides the tools to alter the way we see everything around us by linking ordinary objects and occurrences, like popcorn popping, coffee stains, and fridge magnets, to big ideas like climate change, the energy crisis, or innovative medical testing. She guides us through the principles of gases ("Explosions in the kitchen are generally considered a bad idea. But just occasionally a small one can produce something delicious"); gravity (drop some raisins in a bottle of carbonated lemonade and watch the whoosh of bubbles and the dancing raisins at the bottom bumping into each other); size (Czerski explains the action of the water molecules that cause the crime-scene stain left by a puddle of dried coffee); and time (why it takes so long for ketchup to come out of a bottle). Along the way, she provides answers to vexing questions: How does water travel from the roots of a redwood tree to its crown? How do ducks keep their feet warm when walking on ice? Why does milk, when added to tea, look like billowing storm clouds? In an engaging voice at once warm and witty, Czerski shares her stunning breadth of knowledge to lift the veil of familiarity from the ordinary. You may never look at your toaster the same way"--… (mais)
Carregando...

Registre-se no LibraryThing tpara descobrir se gostará deste livro.

Ainda não há conversas na Discussão sobre este livro.

» Veja também 13 menções

A viúva Hegarty, vendedora de sorvetes, mora em uma fictícia vila da costa oeste escocesa, Baikie, de compleição e moral provincianas. Tem como única companheira a cadela Patsy, mas depois que ela deixa de pagar uma taxa anual de licenciamento canino, o prefeito de Baikie, William Gow, ordena que o animal seja despachado, incitando assim a tempestade do título. A peça (Tempestade em Chávena de Chá) foi extraída de outra peça, "Storm Over Patsy", escrita em 1930 pelo alemão expatriado para os Estados Unidos Bruno Frank, que se estabeleceu em Hollywood como roteirista. Foi reformulada para a Broadway pelo escocês James Bridie e fez sucesso durante 1936 e 1937. Imagine uma comédia dos estúdios Ealing com um toque à Frank Capra. ( )
  jgcorrea | Jan 13, 2019 |
sem resenhas | adicionar uma resenha
Você deve entrar para editar os dados de Conhecimento Comum.
Para mais ajuda veja a página de ajuda do Conhecimento Compartilhado.
Título canônico
Título original
Títulos alternativos
Data da publicação original
Pessoas/Personagens
Lugares importantes
Eventos importantes
Filmes relacionados
Premiações
Epígrafe
Dedicatória
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
To my parents, Jan and Susan
Primeiras palavras
Citações
Últimas palavras
Aviso de desambiguação
Editores da Publicação
Autores Resenhistas (normalmente na contracapa do livro)
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Idioma original
CDD/MDS canônico

Referências a esta obra em recursos externos.

Wikipédia em inglês

Nenhum(a)

"A physicist explains daily phenomena from the mundane to the magisterial. Take a look up at the stars on a clear night and you get a sense that the universe is vast and untouchable, full of mysteries beyond comprehension. But did you know that the key to unveiling the secrets of the cosmos is as close as the nearest toaster? In Storm in a Teacup, Helen Czerski provides the tools to alter the way we see everything around us by linking ordinary objects and occurrences, like popcorn popping, coffee stains, and fridge magnets, to big ideas like climate change, the energy crisis, or innovative medical testing. She guides us through the principles of gases ("Explosions in the kitchen are generally considered a bad idea. But just occasionally a small one can produce something delicious"); gravity (drop some raisins in a bottle of carbonated lemonade and watch the whoosh of bubbles and the dancing raisins at the bottom bumping into each other); size (Czerski explains the action of the water molecules that cause the crime-scene stain left by a puddle of dried coffee); and time (why it takes so long for ketchup to come out of a bottle). Along the way, she provides answers to vexing questions: How does water travel from the roots of a redwood tree to its crown? How do ducks keep their feet warm when walking on ice? Why does milk, when added to tea, look like billowing storm clouds? In an engaging voice at once warm and witty, Czerski shares her stunning breadth of knowledge to lift the veil of familiarity from the ordinary. You may never look at your toaster the same way"--

Não foram encontradas descrições de bibliotecas.

Descrição do livro
Resumo em haiku

Links rápidos

Capas populares

Avaliação

Média: (4.19)
0.5
1
1.5
2
2.5
3 3
3.5 3
4 17
4.5
5 11

É você?

Torne-se um autor do LibraryThing.

 

Sobre | Contato | LibraryThing.com | Privacidade/Termos | Ajuda/Perguntas Frequentes | Blog | Loja | APIs | TinyCat | Bibliotecas Históricas | Os primeiros revisores | Conhecimento Comum | 157,850,347 livros! | Barra superior: Sempre visível