Página inicialGruposDiscussãoMaisZeitgeist
Pesquise No Site
Este site usa cookies para fornecer nossos serviços, melhorar o desempenho, para análises e (se não estiver conectado) para publicidade. Ao usar o LibraryThing, você reconhece que leu e entendeu nossos Termos de Serviço e Política de Privacidade . Seu uso do site e dos serviços está sujeito a essas políticas e termos.
Hide this

Resultados do Google Livros

Clique em uma foto para ir ao Google Livros

Carregando...

Future Times Three

de René Barjavel

MembrosResenhasPopularidadeAvaliação médiaMenções
1825116,211 (3.66)2
"Je réglais mon appareil pour un voyage de cent mille ans". Un grand classique de la science fiction française.
Carregando...

Registre-se no LibraryThing tpara descobrir se gostará deste livro.

Ainda não há conversas na Discussão sobre este livro.

» Veja também 2 menções

Exibindo 5 de 5
"" ( )
  rouzejp | Sep 2, 2015 |
Publié en 1943, ce roman explore le voyage dans le temps, invente des civilisations et pose la question du déterminisme et de l'existence humaine. Si Napoléon avait été tué en 1793, un autre dictateur aurait-il apparu? Et, au-delà, un voyageur du temps peut-il tuer son propre grand-père? ( )
  Steph. | Dec 2, 2014 |
Parfaitement écrit, bien sûr, mais la vision futuriste est trop désespérante et vide de sens pour avoir envie d'y adhérer. ( )
  titfloh | Jun 25, 2013 |
Revivre le passé, explorer l'avenir - qui n'a rêvé, au moins une fois dans sa vie, d'en posséder le pouvoir ? Toutefois, lorsque le physicien et chimiste Noël Essaillon propose à Pierre Saint-Menoux d'expéri-menter des pilules de sa composition à cet effet, le jeune homme a une hésitation bien compréhensible ; mais sa curiosité de mathématicien l'emporte finalement sur la crainte du ridicule ou la crainte tout court et l'essai se montre si concluant qu'il accepte de seconder le savant dans ses expériences. Ce dernier a découvert une substance - la noëlite - telle que qui-conque en est revêtu échappe à l'emprise du Temps. C'est protégé par un scaphandre vert enduit de cette noëlite que Saint-Menoux commence son exploration de l'avenir par bonds progressifs qui l'amènent au millième siècle. Ce qu'il y voit incite Noël Essaillon à l'accompagner. Le savant y perdra la vie. Sa disparition ne met pas un terme aux incursions de Saint-Menoux hors de son époque naturelle, au contraire. De là datent ses imprudences… Incursions dans le passé et dans le futur : à ces thèmes, on reconnaît que le roman de René Barjavel appartient à la branche particulière de la littérature fantastique appelée science-fiction. Le Voyageur impru-dent en est un des meilleurs exemples - c'est un classique français du genre. ( )
  vdb | Aug 14, 2010 |
Exibindo 5 de 5
sem resenhas | adicionar uma resenha
Você deve entrar para editar os dados de Conhecimento Comum.
Para mais ajuda veja a página de ajuda do Conhecimento Compartilhado.
Título canônico
Informação do Conhecimento Comum em Francês. Edite para a localizar na sua língua.
Título original
Títulos alternativos
Data da publicação original
Pessoas/Personagens
Lugares importantes
Eventos importantes
Filmes relacionados
Premiações
Epígrafe
Dedicatória
Informação do Conhecimento Comum em Francês. Edite para a localizar na sua língua.
A Robert Denoël
Primeiras palavras
Informação do Conhecimento Comum em Francês. Edite para a localizar na sua língua.
PREMIERE PARTIE

L'apprentissage

Il faisait un froid de guerre. Au petit matin, le segent Mosté découvrit un soldat, demi-nu, tordu en travers des feuillées. [...]
Citações
Últimas palavras
Aviso de desambiguação
Editores da Publicação
Autores Resenhistas (normalmente na contracapa do livro)
Idioma original
Informação do Conhecimento Comum em Francês. Edite para a localizar na sua língua.
CDD/MDS canônico

Referências a esta obra em recursos externos.

Wikipédia em inglês

Nenhum(a)

"Je réglais mon appareil pour un voyage de cent mille ans". Un grand classique de la science fiction française.

Não foram encontradas descrições de bibliotecas.

Descrição do livro
Resumo em haiku

Links rápidos

Capas populares

Avaliação

Média: (3.66)
0.5
1
1.5
2 4
2.5 2
3 14
3.5 3
4 10
4.5 2
5 10

É você?

Torne-se um autor do LibraryThing.

 

Sobre | Contato | LibraryThing.com | Privacidade/Termos | Ajuda/Perguntas Frequentes | Blog | Loja | APIs | TinyCat | Bibliotecas Históricas | Os primeiros revisores | Conhecimento Comum | 160,464,044 livros! | Barra superior: Sempre visível