Página inicialGruposDiscussãoMaisZeitgeist
Pesquise No Site
Este site usa cookies para fornecer nossos serviços, melhorar o desempenho, para análises e (se não estiver conectado) para publicidade. Ao usar o LibraryThing, você reconhece que leu e entendeu nossos Termos de Serviço e Política de Privacidade . Seu uso do site e dos serviços está sujeito a essas políticas e termos.
Hide this

Resultados do Google Livros

Clique em uma foto para ir ao Google Livros

Native American testimony : from prophecy to…
Carregando...

Native American testimony : from prophecy to the present, 1492- 1992 (original: 1978; edição: 1991)

de Peter Nabokov (Editor)

MembrosResenhasPopularidadeAvaliação médiaMenções
372151,556 (4.11)2
"In a series of powerful and moving documents, anthropologist Peter Nabokov presents a history of Native American and white relations as seen through Indian eyes and told through Indian voices: a record spanning more than five hundred years of interchange between the two peoples. Drawing from a wide range of sources - traditional narratives, Indian autobiographies, government transcripts, firsthand interviews, and more - Nabokov has assembled a remarkably rich and vivid collection, representing nothing less than an alternative history of North America." "Beginning with the Indian's first encounters with the earliest explorers, traders, missionaries, settlers, and soldiers and continuing to the present, Native American Testimony presents an authentic, challenging picture of an important, tragic, and frequently misunderstood aspect of American history."--BOOK JACKET.… (mais)
Membro:IAIS_Research
Título:Native American testimony : from prophecy to the present, 1492- 1992
Autores:Peter Nabokov
Informação:New York, NY : Viking, 1991.
Coleções:Sua biblioteca
Avaliação:
Etiquetas:Nenhum(a)

Detalhes da Obra

Native American Testimony: A Chronicle of Indian-White Relations from Prophecy to the Present de Peter Nabokov (Editor) (1978)

Carregando...

Registre-se no LibraryThing tpara descobrir se gostará deste livro.

Ainda não há conversas na Discussão sobre este livro.

» Veja também 2 menções

Verzameling teksten van inheemse Amerikanen, thematisch-chronologisch gerangschikt, met telkens een uitgebreide inleiding, zowel voor elk thema (of elke periode) als voor elke individuele tekst. Die inleidingen maken het boek meteen een beknopte geschiedenis van de relatie tussen de oorspronkelijke bewoners en de nieuwkomers. Zoals bekend geen fraai verhaal. Een boek vol oorlog, ziekte en dood, culturele ontworteling en gebroken beloften, waar alleen naar het einde toe af en toe wat hoop doorschemert.

Een grote diversiteit aan verhalen, het ene al straffer dan het andere. De transformatie van het apache-jongetje Wassaja tot de Indiaanse intellectueel Montezuma, bijvoorbeeld. Vreemd genoeg vond ik 'Suddenly a gate' een van de meest aangrijpende. Op een dag is het afgelopen met je tradities en gewoontes. En daar komt niet noodzakelijk oorlog of geweld aan te pas. ( )
  brver | Jun 27, 2015 |
sem resenhas | adicionar uma resenha

» Adicionar outros autores

Nome do autorFunçãoTipo de autorObra?Status
Nabokov, PeterEditorautor principaltodas as ediçõesconfirmado
Deloria, Jr. VinePrefácioautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Você deve entrar para editar os dados de Conhecimento Comum.
Para mais ajuda veja a página de ajuda do Conhecimento Compartilhado.
Título canônico
Título original
Títulos alternativos
Data da publicação original
Pessoas/Personagens
Lugares importantes
Eventos importantes
Filmes relacionados
Premiações
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Epígrafe
Dedicatória
Primeiras palavras
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Before the coming of the white man, bronze-skinned men and women from northern Asia had been exploring and settling the Americas for anywhere from ten to fifty thousand years, according to archeological estimates.
(Foreward) The celebration of the quincentennial of Columbus's discovery of the western hemisphere contains the potential for great reconciliation or immense misunderstanding.
(Introduction) Like many Native Americans before and after him, Edward Goodbird, a Hidatsa Indian from North Dakota, puzzled over the behavior of white people.
Citações
Últimas palavras
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
(Clique para mostrar. Atenção: Pode conter revelações sobre o enredo.)
Aviso de desambiguação
Editores da Publicação
Autores Resenhistas (normalmente na contracapa do livro)
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Idioma original
CDD/MDS canônico

Referências a esta obra em recursos externos.

Wikipédia em inglês

Nenhum(a)

"In a series of powerful and moving documents, anthropologist Peter Nabokov presents a history of Native American and white relations as seen through Indian eyes and told through Indian voices: a record spanning more than five hundred years of interchange between the two peoples. Drawing from a wide range of sources - traditional narratives, Indian autobiographies, government transcripts, firsthand interviews, and more - Nabokov has assembled a remarkably rich and vivid collection, representing nothing less than an alternative history of North America." "Beginning with the Indian's first encounters with the earliest explorers, traders, missionaries, settlers, and soldiers and continuing to the present, Native American Testimony presents an authentic, challenging picture of an important, tragic, and frequently misunderstood aspect of American history."--BOOK JACKET.

Não foram encontradas descrições de bibliotecas.

Descrição do livro
Resumo em haiku

Links rápidos

Capas populares

Avaliação

Média: (4.11)
0.5
1
1.5
2
2.5
3 3
3.5 4
4 7
4.5 1
5 7

É você?

Torne-se um autor do LibraryThing.

 

Sobre | Contato | LibraryThing.com | Privacidade/Termos | Ajuda/Perguntas Frequentes | Blog | Loja | APIs | TinyCat | Bibliotecas Históricas | Os primeiros revisores | Conhecimento Comum | 157,277,466 livros! | Barra superior: Sempre visível