Página inicialGruposDiscussãoMaisZeitgeist
Pesquise No Site
Este site usa cookies para fornecer nossos serviços, melhorar o desempenho, para análises e (se não estiver conectado) para publicidade. Ao usar o LibraryThing, você reconhece que leu e entendeu nossos Termos de Serviço e Política de Privacidade . Seu uso do site e dos serviços está sujeito a essas políticas e termos.
Hide this

Resultados do Google Livros

Clique em uma foto para ir ao Google Livros

Wonder de R. J. Palacio
Carregando...

Wonder (edição: 2012)

de R. J. Palacio (Autor)

Séries: Wonder (1)

MembrosResenhasPopularidadeAvaliação médiaMenções
9,5871148565 (4.48)298
Ten-year-old Auggie Pullman, who was born with extreme facial abnormalities and was not expected to survive, goes from being home-schooled to entering fifth grade at a private middle school in Manhattan, which entails enduring the taunting and fear of his classmates as he struggles to be seen as just another student.… (mais)
Membro:unioncongmontclair
Título:Wonder
Autores:R. J. Palacio (Autor)
Informação:Knopf Books for Young Readers (2012), Edition: 1, 320 pages
Coleções:Sua biblioteca
Avaliação:
Etiquetas:Nenhum(a)

Detalhes da Obra

Wonder de R. J. Palacio

  1. 50
    Firegirl de Tony Abbott (kaledrina)
  2. 50
    Out of My Mind de Sharon M. Draper (bookwren)
    bookwren: Both stories involve a highly-challenged child with a supportive family and friends. The girl in Out of My Mind has cerebral palsy.
  3. 40
    The One and Only Ivan de Katherine Applegate (FFortuna)
  4. 40
    Rules de Cynthia Lord (bell7)
  5. 40
    The Hundred Dresses de Eleanor Estes (bookel)
  6. 30
    The Curious Incident of the Dog in the Night-Time de Mark Haddon (Alexandra.Moraiti)
    Alexandra.Moraiti: They are both well written compassionate, funny and humane books. Although Wonder isn't about a boy with a disability , both books tell the story of two individuals that manage the socially imposed difficulties of their 'conditions'. The narration in both is in first person in Wonder by August Pullman(Auggie ), his friends and family, and in The Curious Incident of The Dog In The Night-time by Christopher Boone, a boy with Asperger's Syndrome.… (mais)
  7. 30
    Anything But Typical de Nora Raleigh Baskin (BookshelfMonstrosity)
  8. 10
    Kristy's Courage de Babbis Friis (bookel)
  9. 10
    Stuck in Neutral de Terry Trueman (FFortuna)
  10. 00
    Sam: The Boy Behind The Mask de Tom Hallman (dara85)
    dara85: True story of boy with facial deformity.
  11. 00
    If at Birth You Don't Succeed: My Adventures with Disaster and Destiny de Zach Anner (2wonderY)
    2wonderY: Success beyond physics with personality.
  12. 00
    Crenshaw de Katherine Applegate (BeckyJG)
    BeckyJG: Both are similarly moving stories about approaching difficult issues with kindness and compassion.
  13. 00
    So Much to Tell You de John Marsden (bookel)
Carregando...

Registre-se no LibraryThing tpara descobrir se gostará deste livro.

Ainda não há conversas na Discussão sobre este livro.

» Veja também 298 menções

Inglês (1,121)  Catalão (7)  Espanhol (5)  Alemão (4)  Francês (3)  Italiano (2)  Japonês (1)  Português (Brasil) (1)  Todos os idiomas (1,144)
Pág. 72
Seus feitos são seus monumentos.
(...)
Esse preceito significa que deveríamos ser lembrados pelas coisas que fazemos. Elas importam mais do que tudo. Mais do que aquilo que dizemos ou do que nossa aparência. As coisas que fazemos sobrevivem a nós. São como os monumentos que as pessoas erguem em honra dos heróis depois que eles morrem. Como as pirâmides que os egípcios construíram para homenagear os faraós. Só que, em vez de pedra, são feitas das lembranças que as pessoas têm de você. Construídos com memórias em vez de pedra.

Pág. 136
- Você às vezes se pergunta o que acontece com as pessoas quando elas morrem?
Ele encolheu os ombros.
- Na verdade, não. Quer dizer, elas não vão pra o céu? Minha avó foi para lá.
- Eu penso muito nisso - falei. - Acho que quando as pessoas morrem a alma vai para o céu, mas só por um tempinho. Tipo, é lá que elas reencontram os amigos e falam sobre os velhos tempos. Então acho que as almas começam a pensar na vida que tiveram na Terra, tipo, se foram boas ou más, e coisas assim. Então nascem de novo como bebezinhos.
- Por que elas iriam querer fazer isso?
- Porque assim teriam outra chance de fazer tudo certo - respondi. - As almas tem uma chance de consertar as coisas.
Ele pensou e assentiu.
- Meio como quando você faz uma segunda chamada de prova - comentou.

Pág. 200
Estou recitando: sim, o sol nasceu milhares de vezes. Verões e invernos fenderam um pouco mais as montanhas e as chuvas fizeram deslizar a terra. Bebês que antes nem eram nascidos já começaram a formar frases completas; e muitas pessoas que se achavam jovens e ágeis notaram que já não podiam subir um lance de escadas como antes, sem que o coração disparasse um pouco...

Pág. 301
Estamos aqui reunidos hoje - continuou -, seus parentes, amigos e professores, para celebrar não só suas conquistas desde último ano, mas suas infinitas possibilidades. Quando refletirem sobre este ano, quero que vejam onde estão agora e onde estiveram antes. Todos ficaram um pouco mais altos, um pouco mais fortes, um pouco mais inteligentes... Espero.
Algumas pessoas da plateia riram.
- Mas a melhor maneira de medir quanto vocês cresceram não é por centímetros, nem por quantas voltas conseguem dar na piscina, ou mesmo por sua média de notas, embora essas coisas, sem dúvida, sejam importantes. A melhor medida é o que vocês fizeram com o seu tempo, como escolheram passar os dias e quem cativaram. Para mim, essa é a melhor medida do sucesso. Há uma frase maravilhosa em um livro de J. M. Barrie... E não, não é Peter Pan, e não vou pedir que batam palma se acreditam em fadas....
Todos riram mais uma vez.
- Mas em outro livro de J. M. Barrie, chamado 'O Pequeno Pássaro Branco' ele escreve... - O sr. Buzanfa começou a folhear um pequeno livro até encontrar a página que estava procurando, e encaro voltou a por os óculos. - "Vamos criar uma nova regra de vida... Sempre tentar ser um pouco mais gentil que o necessário?"
Então ele olhou para a plateia.
- "Mais gentil que o necessário" - repetiu. - Que frase maravilhosa, não é? Mais gentil que o necessário. Porque não basta ser gentil. Devemos ser mais gentis do que precisamos. Adoro essa frase, essa ideia, porque ela me lembra que carregamos conosco, como seres humanos, não apenas a capacidade de ser gentil, mas a opção da gentileza. O que isso significa? Como isso é medido? Não podemos usar uma régua. É como eu estava dizendo antes: a questão não é medir quanto vocês cresceram este ano. Não dá para quantificar com precisão, não é? O que é ser gentil, a propósito?
Ele pôs os óculos de novo e começou a folhear outro livrinho.
- Aqui está mais uma passagem, de um outro livro, que gostaria de compartilhar com vocês. Se tiverem a gentileza de esperar enquanto procuro... ah, aqui está. Em 'Under the eye of the clock, de Christopher Nolan, o personagem principal é um jovem que está enfrentando desafios extraordinários. Há uma parte em que alguém o ajuda: um garoto da mesma turma. Aparentemente, é um gesto pequeno. Mas, para o jovem, chamado Joseph, é... Bem, se me permitem...
Re pigarreou para limpar a garganta e leu:
- "Era em momentos como aquele que Joseph reconhecia a face de Deus em forma humana. Cintilava para ele em sua gentileza, brilhava em sua solidariedade, mostrava-se em sua preocupação, até mesmo o afogava em seu olhar."
Ele fez uma pausa e mais uma vez tirou os óculos.
- "Cintilava pra ele em sua gentileza" - repetiu, sorrindo. - Uma coisa tão simples, a gentileza. Tão simples. Uma palavra de incentivo quando precisamos. Um gesto de amizade. Um sorriso breve.
Ele fechou o livro e se inclinou para a frente no púlpito.
- Crianças, o que quero transmitir a vocês hoje é o entendimento do valor dessa coisa tão simples que se chama gentileza. É isso é tudo o que desejo deixar para vocês hoje. Sei que sou inflame por minha... Hum... Verborragia...
Todos riram de novo. Acho que ele sabia que era conhecido pelos longos discursos.
- ... Mas o que quero que vocês, meus alunos, levem de sua experiência no ensino fundamental - prosseguiu - é a certeza de que, no futuro que vão construir para si, tudo é possível. Se cada pessoa nesse auditório tomar por regra que, onde quer que esteja, sempre que puder, será um pouco mais gentil que o necessário, o mundo realmente será um lugar melhor. E, se fizerem isso, se forem apenas um pouco mais gentis que o necessário, alguém, em algum lugar, algum dia, poderá reconhecer vocês, em cada um de vocês, a face de Deus.
Ele fez uma pausa e encolheu os ombros.
- Ou seja qual for a representação politicamente correta de bondade em que acreditem - apressou-se em acrescentar com um sorriso, o que arrancou da plateia algumas risadas e muitos aplausos, sobretudo no fundo do auditório, onde os pais estavam sentados.

Pág. 304
- "A grandeza", escreveu Beecher, "não está em ser forte, mas no uso correto da força... Grande é aquele cuja força conquista mais corações... (...) Grande é aquele cuja força conquista mais corações pela atração do próprio coração."
1 vote Tatiana.Souza | Oct 5, 2015 |
Dieses Buch begeistert alle Altersgruppen. Das oft genutzte Motiv, dass es auf die inneren Werte ankommt, wird hier neu und ohne mahnenden Zeigefinger umgesetzt. Durch wechselnde Perspektiven kann der Leser nicht nur die Gefühle und Handlungen Auggies, sondern auch die seines Umfeldes verstehen. Der Leser entwickelt sich mit den sympathischen Charakteren. Die flüssige Sprache und die zahlreichen Details lassen die Geschichte persönlich und lebensnah wirken. Der Roman berührt den Leser und regt zum Nachdenken an.
 

» Adicionar outros autores (51 possíveis)

Nome do autorFunçãoTipo de autorObra?Status
R. J. Palacioautor principaltodas as ediçõescalculado
Carpenter, TadArtista da capaautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Orcese, AlessandraTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Rudd, KateNarradorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Você deve entrar para editar os dados de Conhecimento Comum.
Para mais ajuda veja a página de ajuda do Conhecimento Compartilhado.
Título canônico
Título original
Títulos alternativos
Data da publicação original
Pessoas/Personagens
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Lugares importantes
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Eventos importantes
Filmes relacionados
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Premiações
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Epígrafe
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Doctors have come from distant cities/just to see me/stand over my bed/disbelieving what they're seeing,
They say I must be one of the wonders/of god's own creation/and as far as they can see they can offer/no explanation
-Natalie Marchant, "Wonder"
Dedicatória
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
For Russell, Caleb, and Joseph
Primeiras palavras
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
I know I'm not an ordinary ten-year-old kid.
Citações
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Now here is my secret. It is very simple. It is only with one's heart that one can see clearly. What is essential is invisible to the eye. -Antoine de Saint-Exupery, The Little Prince
Mr. Browne's Precepts: September - When given the choice between being righ or being kind, choose kind. -Dr. Wayne W. Dyer
February - It is better to know some of the questions than all of the answers. -James Thurber
March - Kind words do not cost much. Yet they accomplish much. -Blaise Pascal
May - Do all the good you can,/By all the means you can,/In all the ways you can,/In all the places you can,/At all the times you can,/To all the people you can,/As long as you ever can. -John Wesley's Rule
Shall we make a new rule of life...always to try to be a little kinder than is necessary? -J.M. Barrie, The Little White Bird
"Kinder than is necessary," he [Mr. Tushman] repeated. What a marvelous line, isn't it? Kinder than is necesary. Because it's not enough to be kind. One should be kinder than needed. Why I love that line, that concept, is that it reminds me that we carry with us, as human beings, not just the capacity to be kind, but the very choice of knindness. -Palacio, p. 300
... Joseph recognized the face of God in human form. It glimmered in their kindness to him, it glowed in their keenness, it hinted in their caring, ideed it caressed in their gaze. - Christopher Nolan, Under the Eye of the Clock
"It glimmered in their kindness to him ... Such a simple thing, kindness. Such a simple thing. A nice word of encouragment given when needed. An act of friendship. A passing smile." -Palacio, p. 300.
It's like how compass needles always point north, no matter which way you're facing. All those eyes are compasses, and I'm like the North Pole to them. [Auggie, 206]
I think there should be a rule that everyone in the world should get a standing ovation at least once in their lives. [Auggie, 231]
Últimas palavras
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
(Clique para mostrar. Atenção: Pode conter revelações sobre o enredo.)
Aviso de desambiguação
Editores da Publicação
Autores Resenhistas (normalmente na contracapa do livro)
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Idioma original
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
CDD/MDS canônico

Referências a esta obra em recursos externos.

Wikipédia em inglês (1)

Ten-year-old Auggie Pullman, who was born with extreme facial abnormalities and was not expected to survive, goes from being home-schooled to entering fifth grade at a private middle school in Manhattan, which entails enduring the taunting and fear of his classmates as he struggles to be seen as just another student.

Não foram encontradas descrições de bibliotecas.

Descrição do livro
Resumo em haiku

Links rápidos

Capas populares

Avaliação

Média: (4.48)
0.5
1 9
1.5 2
2 33
2.5 7
3 180
3.5 68
4 701
4.5 145
5 1558

É você?

Torne-se um autor do LibraryThing.

 

Sobre | Contato | LibraryThing.com | Privacidade/Termos | Ajuda/Perguntas Frequentes | Blog | Loja | APIs | TinyCat | Bibliotecas Históricas | Os primeiros revisores | Conhecimento Comum | 157,742,099 livros! | Barra superior: Sempre visível