Página inicialGruposDiscussãoMaisZeitgeist
Este site usa cookies para fornecer nossos serviços, melhorar o desempenho, para análises e (se não estiver conectado) para publicidade. Ao usar o LibraryThing, você reconhece que leu e entendeu nossos Termos de Serviço e Política de Privacidade . Seu uso do site e dos serviços está sujeito a essas políticas e termos.
Hide this

Resultados do Google Livros

Clique em uma foto para ir ao Google Livros

Embassytown Signed Edition de China Mieville
Carregando...

Embassytown Signed Edition (original: 2011; edição: 2011)

de China Mieville (Autor)

MembrosResenhasPopularidadeAvaliação médiaMenções
2,8271973,585 (3.87)317
Avice Benner Cho, a human colonist on a distant planet populated by the Ariekei, sentient beings famed for their unique language, returns to Embassytown after many years of deep space exploration to find she has become a living simile in the Ariekei language even though she cannot speak it, and she is torn by competing loyalties when hostilities erupt between humans and aliens.… (mais)
Membro:borrowed_dreams
Título:Embassytown Signed Edition
Autores:China Mieville (Autor)
Informação:MacMillan (2011)
Coleções:Sua biblioteca
Avaliação:
Etiquetas:to-read

Detalhes da Obra

Embassytown de China Miéville (2011)

Adicionado recentemente porDoniazade, gyme, devanebooks, jplana, BookHavenAZ, fmc712, unsquare
  1. 72
    The Sparrow de Mary Doria Russell (BeckyJG)
  2. 41
    Ancillary Justice de Ann Leckie (electronicmemory)
  3. 30
    Foreigner de C. J. Cherryh (PhoenixFalls, electronicmemory)
    PhoenixFalls: Cherryh excels in writing really alien aliens and always focuses on the nuances of languages.
  4. 30
    Babel-17 de Samuel R. Delany (kevinashley)
    kevinashley: Both these books take the relationship between language and thought as central themes. They explore it in different ways but with a similar thoroughness; both really explore just how 'other' alien can be.
  5. 30
    Anathem de Neal Stephenson (bertilak, g33kgrrl)
    bertilak: Miéville has written a philosophical science fiction novel that rocks and is not bloated: Stephenson please take note.
  6. 31
    The Thousand Autumns of Jacob de Zoet de David Mitchell (ansate)
  7. 31
    The Left Hand of Darkness de Ursula K. Le Guin (santhony)
    santhony: Science fiction as seen through the prism of anthropology and sociology.
  8. 64
    Hyperion de Dan Simmons (BeckyJG)
  9. 20
    Blindsight de Peter Watts (electronicmemory)
  10. 10
    The Dosadi Experiment de Frank Herbert (santhony)
    santhony: Philosophical Science Fiction
  11. 10
    The Book of Strange New Things de Michel Faber (KatyBee)
  12. 11
    The Dispossessed de Ursula K. Le Guin (sparemethecensor)
Carregando...

Registre-se no LibraryThing tpara descobrir se gostará deste livro.

Ainda não há conversas na Discussão sobre este livro.

» Veja também 317 menções

Inglês (196)  Alemão (1)  Francês (1)  Todos os idiomas (198)
Mostrando 1-5 de 198 (seguinte | mostrar todas)
I just can't get comfortable with Mieville's writing because I am so often unsure of what he's saying. He has a wonderful gift for seeing complex societies, that's for sure, but I can't hold it all well enough to enjoy it. ( )
1 vote nhlsecord | Feb 2, 2021 |
A total masterpiece. It takes a little while to wrap your head around what Miéville is structuring here, but he's a perfect guide throughout - always telling you just enough to keep you going, but never pulling back entirely to give you everything. This is a thing that a lot of science fiction novelists struggle with, and it's probably why this is my favorite science fiction novel in a long, long time. ( )
  skolastic | Feb 2, 2021 |
One of the most thought provoking books since Anathem. ( )
  frfeni | Jan 31, 2021 |
Darmok and Jelad at Tenagra, only in book form. Basically.

This was a hard book to read and understand. I'm pretty good with SF books centered on physics or biology, but this one is about linguistics, and that's something I know nothing about. The style is also kind of extra and there are so many new things to learn early on, I really wished for a glossary.

But it gets five stars because it was a TRIP and I enjoyed the heck out of it. ( )
  jennelikejennay | Dec 31, 2020 |
A fantastic story in a fantastic universe with fantastic things. Miéville again has proven that he can come up with some absolutely fantastic universe with fantastic things and an amazing story.

Highly recommended ( )
  gullevek | Dec 15, 2020 |
Mostrando 1-5 de 198 (seguinte | mostrar todas)
Readers who want to delve no further than turning the pages will come away satisfied with "Embassytown," because Mieville's fertile imagination has created a fascinating alien species to go along with plenty of familiar human drama.
adicionado por RBeffa | editarContra Costa Times, Clay Kallam (Sep 28, 2011)
 
It is a miracle of a novel, one where Big Ideas cohabitate with Monsters, and neither is lessened by what academic propriety insists must be capital letters.
 
Miéville has a muscular intellect, successfully building a science fictional world around semiotics. For some readers, that will be enough.
 
I don’t hold this will to abstraction against him. Genre writers, and for that matter writers of the well-wrought middlebrow novel, mostly tell the usual stories in the usual way: narrative and character are advanced through conventional action. Miéville is up to something else.
adicionado por PhoenixFalls | editarNew York Times, Carlo Rotella (Jun 3, 2011)
 
In this sense, Embassytown plays out as a novel of metropolitan-colonial conflict, holding out the hope that language might not serve only as a tool of oppression, but be reclaimed as the instrument that makes resistance possible.
adicionado por PhoenixFalls | editarThe Guardian, James Purdon (May 20, 2011)
 

» Adicionar outros autores (11 possíveis)

Nome do autorFunçãoTipo de autorObra?Status
Miéville, Chinaautor principaltodas as ediçõesconfirmado
Drechsler, ArndtArtista da capaautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Hoven, ArnoTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Uchida, MasayukiTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado

Tem como guia de referência/texto acompanhante

Você deve entrar para editar os dados de Conhecimento Comum.
Para mais ajuda veja a página de ajuda do Conhecimento Compartilhado.
Título canônico
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Título original
Títulos alternativos
Data da publicação original
Pessoas/Personagens
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Lugares importantes
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Eventos importantes
Filmes relacionados
Premiações
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Epígrafe
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
"The word must communicate something (other than itself)."
Walter Benjamin, "On Language as such and on the Language of Man"
Dedicatória
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
To Jesse
Primeiras palavras
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
The children of the embassy all saw the boat land.
Citações
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
"I don't want to be a simile anymore," I said. "I want to be a metaphor."
Últimas palavras
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
(Clique para mostrar. Atenção: Pode conter revelações sobre o enredo.)
Aviso de desambiguação
Editores da Publicação
Autores Resenhistas (normalmente na contracapa do livro)
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Idioma original
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
CDD/MDS canônico

Referências a esta obra em recursos externos.

Wikipédia em inglês (2)

Avice Benner Cho, a human colonist on a distant planet populated by the Ariekei, sentient beings famed for their unique language, returns to Embassytown after many years of deep space exploration to find she has become a living simile in the Ariekei language even though she cannot speak it, and she is torn by competing loyalties when hostilities erupt between humans and aliens.

Não foram encontradas descrições de bibliotecas.

Descrição do livro
Resumo em haiku

LibraryThing Early Reviewers Alum

O livro de China Miéville, Embassytown, estava disponível em LibraryThing Early Reviewers.

Inscreva-se para obter uma cópia da pré-publicação em troca de uma resenha.

Links rápidos

Capas populares

Avaliação

Média: (3.87)
0.5
1 19
1.5 2
2 48
2.5 16
3 145
3.5 69
4 316
4.5 65
5 213

É você?

Torne-se um autor do LibraryThing.

 

Sobre | Contato | LibraryThing.com | Privacidade/Termos | Ajuda/Perguntas Frequentes | Blog | Loja | APIs | TinyCat | Bibliotecas Históricas | Os primeiros revisores | Conhecimento Comum | 155,640,989 livros! | Barra superior: Sempre visível